Cursos nos EUA

Como ingressar em uma universidade dos EUA?

O primeiro passo para quem quer estudar em uma instituição de ensino superior dos Estados Unidos é bem similar ao nosso: dedicar-se aos estudos. Parece simplista, mas a verdade é que as instituições de ensino superior americanas enxergam a dedicação e o esforço do estudante pelo boletim com boas notas, e entendem isto como um preparo maior para a vida acadêmica do que os demais estudantes que não se dedicaram da mesma forma aos estudos.
No ensino fundamental e, principalmente, no médio, o estudante deve ter como meta um boletim admirável, com boas notas e médias.

A diferença entre Brasil e Estados Unidos começa quando o brasileiro depende do vestibular para ser admitido. Os americanos também passam por exames seletivos no estilo das provas de vestibulares brasileiras - como o SAT, o GRE, ou o ACT. São eles que testam o conhecimento adquirido durante os anos de escola e eles que ditarão se o estudante está pronto para adentrar a vida acadêmica.

Os estudantes americanos e internacionais que desejam estudar nos Estados Unidos devem seguir uma série de exigências durante o processo seletivo das instituições norte-americanas que possuem suas especificidades, mas também muitas similaridades. A começar pela necessidade de receber documentos dos alunos que se inscrevem no processo seletivo, como, por exemplo, o boletim escolar (para que comprovem as boas notas do estudante) e cartas de referências.

1) Cartas de referências são documentos escritos por terceiros sobre as qualidades dos estudantes. Geralmente, podem ser representados por empregadores ou professores do colegial que saibam listar com eloquência as qualificações do candidato e razões pelas quais ele deve ser admitido pela instituição. Cheque diretamente com as suas instituições de interesse quanto a necessidade das referências. Algumas dão valor às referências pessoais, outras às profissionais; algumas pedem no mínimo duas, outras, três, etc.

2) Outro documento exigido pela universidade/faculdade é uma redação, chamada de essay. A instituição irá sugerir o tema, quase sempre bastante particular e subjetivo, e o estudante deve dissertar sobre ele, mantendo sempre em mente que o principal objetivo é conseguir a atenção da instituição e convencê-la de que está entusiasmado para começar o curso acadêmico. É bastante similar à redação que precisamos fazer no vestibular brasileiro, com a diferença de que há tempo e tranquilidade para escrever e revisar a essay. Entusiasmo e determinação são importantes, e, é claro, uma ótima gramática. A essay deverá ser escrita em inglês, seja o estudante americano ou estrangeiro.

3) Lembre-se que, se você for um estudante internacional em um processo seletivo nos Estados Unidos, antes de submeter os seus documentos à instituição, é bem provável que eles precisem ser traduzidos por um tradutor profissional, juramentado e reconhecido oficialmente por alguma associação ou pelo governo.

4) Outra exigência exclusiva aos estudantes estrangeiros é a prova de proficiência no inglês, que pode ser tanto o IELTS quando o TOEFL. Cada universidade estipulará uma nota mínima a ser alcançada para ser admitido – a maioria das instituições americanas recebem muitos estudantes internacionais e oferecem cursos intensivos de inglês, para que possam aperfeiçoar o idioma antes das aulas começarem.

5) E, por último, as universidades levam em consideração atividades extracurriculares, trabalhos voluntários, ou o engajamento em alguma causa. Por isto, é importante manter registros e certificados oficiais de atividades do tipo realizadas durante o colegial. Elas podem fazer diferença durante a seleção acadêmica e lhe ajudar a se destacar dentre os demais candidatos.

O mais importante, antes de mais nada, é encontrar as suas universidades americanas de interesse. Uma vez encontradas, é imprescindível que consulte cada uma delas para conhecer as exigências sobre o processo seletivo e não deixar faltar nenhum documento – o que pode desqualificá-lo automaticamente. E boa sorte!


Por Brenda Bellani (texto colaborado)

109 comentários:

  1. Renato

    Obrigada pelas dicas, estou pensando em estudar nos EUA, sou Mestre em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem pela PUC/SP. Seu texto me ajudou muito!
    Como acompanho seu blog, sei que você teve que mudar de campus, por problemas da própria faculdade. Sendo assim, como você recomenda a busca pela instituição, você mudaria algo no processo que você realizou? Obrigada, Luciana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luciana
      Eu procuraria uma state college ou uma universidade. Não entraria em uma private college por causa destes e outros problemas.
      Abração

      Excluir
  2. Olá Renato,

    Conheci ontem seu blog e gostei muito. Li sobre o "Tôfoul" rs.
    Gostaria de saber se você sabe mais alguma coisa sobre o Bar Exam. Sou formada há quase 10 anos, com pós-graduação e tal, mas sempre pensei em trabalhar aí. Se eu consegui passar uma vez no tão temido Exame, por que não duas né?! rs. Nada no mundo é impossível.
    Não interessa a dificuldade das provas, estou focada no resultado!
    Você saberia me dizer se depois de aprovada no TOEFL, devo direcionar meu pedido pra uma Universidade Americana obrigatoriamente para LLM (equivalente ao Mestrado) ou apenas para uma Especialização já serviria?
    Ou seja, se a Banca do Bar Exam aceita Especialistas ou só Mestres?
    Diferentemente daqui, que é feita pela OAB, aí é organizada pelo Estado.
    Enfim, se você não souber responder, vou entender, sei que ela é juridicamente bem específica.

    Obrigada!
    Mayra Duarte

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mayra, vc ainda está estudando para o Bar exam? Poderia me ajudar?? Gostaria, se possível, de uma ajuda sobre o Bar exam.. se você puder me ajudar teria como me enviar um email?a gente se comunica por ele: geracca@uol.com.br. Obrigada..

      Excluir
  3. Ah, esqueci de perguntar se eu conseguiria uma Law School pública para esse tipo de Programa (Especialização ou Mestrado para obter a aprovação no Bar Exam).
    (Confesso que já li outros blogs de Advogados falando sobre isso, mas eu sempre percebo um receio na informação, talvez pra desanimar mesmo o interessado! É complicado, porque é um meio profissional que "quase não tem" competição, ego inflado e vaidade... aí já viu né?! rs).

    Obrigada novamente,
    Mayra Duarte

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mayra
      Eu não tenho a mínima idéia do que você está falando. Não sei nada dessa área. Quem escreveu esse texto, se você viu, não fui eu mas a Brenda.
      Eu acho que você deveria fazer uma consulta com um advogado brasileiro nos EUA, eles sim podem te informar
      Abs e boa sorte!

      Excluir
    2. Oi Mayra,

      Aqui não precisa fazer direito para ser advogado, é só passar no Bar, você pode ter feito qualquer curso... Não entendo essa lógica, mas eles consideram que se a pessoa passa no Bar, ela deve saber o que precisa para praticar a profissão... então tá né! Lembre-se que o Bar exam é único para cada estado, então escolha fazer o teste no estado em que você pretende morar e trabalhar. Não sei o que exatamente você está pensando que são as Law School públicas, mas se você está associando com o Brasil, saiba que elas não são de graça, como são no Brasil. Toda faculdade nos EUA é paga, incluindo qualquer tipo de especialização, fora PhD em que você é quem é pago para estudar... nada diferente do Brasil, contudo.

      Você pode escolher fazer o curso que quiser após o TOELF para se preparar para o Bar, pois como eu disse, qual curso você faz não importa, então escolha algo que você quer realmente fazer.

      Abraços,

      Carol

      Excluir
    3. Carol. Vc poderia me dar mais informações sobre o Bar Exam?? Poxa, to procurando informações agora e estou um pouco perdida..rs. Agradeço pela ajuda. Fique com meu email caso veja esta mensagem:geracca@uol.com.br.

      Excluir
    4. gostaria de mais informacao sobre o BAR exame por favor enviar p Keloliveira22@hotmail.com

      Excluir
  4. Renato,

    Acabei de ler aqui no seu blog, a entrevista do Dr. Flavio Munguba, (advogado brasileiro que trabalha aí na Flórida) e me ajudou muito.
    As respostas dele já esclareceram as minhas dúvidas! Excelente!
    De qualquer forma, obrigada!!!

    Até mais,
    Mayra.

    ResponderExcluir
  5. Renato,

    Tenho 13 anos (estou na oitava serie) tenho um enorme sonho de estudar na instituição de Harvard, mas posso lhe afirmar que na quinta e sexta serie minhas notas nao eram as melhores, e eu estudo em colegio particular e nao possui trabalhos extracurriculares, trabalhos voluntarios e entre outros. Com isso sei que ainda tenho um longo caminho (este ano e mais tres de estudo), mas voce acha que possuo chances de entrar em Harvard?

    Grata.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Linda
      Não sei quais são os critérios para entrada na Harvard. Em primeiro lugar precisa-se ter muito dinheiro pois bolsa para graduação é quase impossível de conseguir mas tem gente que consegue né? Precisa entrar no site, e destrinchá-lo. E estudar muito, se esse é o seu sonho
      Bjs

      Excluir
  6. Renato,

    Estou no 1° Ano do Ensino Médio e tenho 15 anos. Minhas notas e meu boletim são ótimos e me esforço muito nos estudos, pois meu sonho é estudar nos EUA. Porém, ainda não sei ao certo qual faculdade pretendo fazer. Gosto muito da área de humanas e sou muito bem em escrever redações e textos. Teria como você citar algumas faculdades e áreas nos EUA para que eu possa avaliar e ter mais opções ?

    Aguardo sua resposta

    Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anonimo
      Eu te aconselho primeiro definir a carreira, depois você pesquisa as faculdades. Não adianta sair procurando faculdade sem ter definido primeiramente o curso. Saiba que se quiser ficar depois morando nos EUA vai precisar de um Sponsor e para tanto é melhor fazer um curso onde há falta de trabalhadores nos EUA. Área da saúde por exemplo, ou professores. Tem muito mais áreas precisando, mas a pesquisa é sua
      Abração
      Ps. Vou publicar um post sobre isso no futuro

      Excluir
  7. Eu sempre tive vontade de Estudar e morar no EUA. Apesar de eu ser brasileiro amo o EUA ... Pra eu estudar ai e preciso eu falar ingles nativo??? Desde ja agradeço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não sei o que você quer dizer com inglês nativo
      abs

      Excluir
  8. Olá Renato, adorei o seu blog, muito bom. Eu tenho uma duvida, quem é formado em Letras Port/Inglês aqui no Brasil, conseguiria qual tipo de trabalho ali nos EUA ? E ganha bem sendo professor em uma escola de idiomas, dando aula para brasileiros que estão aí ?
    Desde já agradeço. Abraços :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei, não sou dessa área. Mas tenho certeza que você encontra pesquisando...
      abs

      Excluir
  9. Olá Renato, tudo bem ?
    Bom, eu fui para Orlando 2 vezes e meu sonho é estudar nos EUA. Eu ficaria morando na casa da minha tia, e fui conhecer a Freedom High School, eu tenho 12 anos, mas a Middle School ainda estava em aula. Eu pretendo ficar 1 ano. Quando eu voltar para o Brasil, eu ganharia um ano escolar ? Por exemplo: estou no 7 ano, como as aulas ai começam em Agosto, eu entraria na 8th grade, certo ? Eu iria concluir a 8th grade, e o ano letivo termina em Maio, eu voltaria para o Brasil no fim de Junho, e Julho estariamos de férias de meio de ano aqui, em Agosto, quando começassem as aulas, eu estaria no 9 ano ?
    Adoro o blog ! Abços !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha eu não sei não mas não acho que você consiga entrar na 8 grade sem ter concluído a 7 no Brasil. Afinal você vai sair no meio do ano.
      O que todo mundo diz de quem vem estudar nos EUA é que não se ganha um ano e sim, perde-se meio.
      Você tem que perguntar na sua escola no Brasil e a daqui
      abs

      Excluir
  10. Olá Renato, boa noite.

    Você conhece o EducationUSA Brasil ou HBCUs?
    Parece que são organizações que levam estudantes de baixa renda para estudar com todas as despesas pagas nos EUA. Quando uma amiga me disse isso, estranhei bastante. Bem, 03/09 vai ter a 11° Feira EducationUSA em Copacabana. Vários representantes de universidades estarão lá. Vou aproveitar e saciar todas as minhas dúvidas.

    https://www.facebook.com/EducationUSABR

    Até mais.
    Muito obrigado por sua atenção.
    Leandro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agnaldo Israel Herrera4 de setembro de 2013 10:32

      Olá Renato,
      Meu nome ´Agnaldo ja fui várias vezes para Orlando / Kissimmie e amei gostaria muito de poder trabalhar e levar meu filhos para estudar , você me indicaria alguma agencia de emprego ou algo similar para eu possa entrar em contato, isso seria uma ajuda mesmo meu amigo

      Muito Obrigado mesmo e fique com Deus

      Excluir
    2. Faça parte da comunidade Brasileiros na Flórida e Serviços em Orlanado. Também Brazucas em Orlando. Sempre tem anuncio lá
      abs

      Excluir
  11. Olá Renato,

    Meu nome é Fernanda e confesso que fiquei bastante emocionada ao ler seu post sobre os seus 45 dias em Boston.

    Meu marido e eu estamos providenciando o visto para fazermos intercâmbio em agosto do ano que vem, sabemos que o ideal seria realizar esse curso sozinhos, porém como somos casados e tradicionais resolvemos viver essa experiência assim mesmo! Ficaremos hospedados em casa de família e prometemos um ao outro falarmos somente em inglês.

    A minha maior dúvida é: ONDE? Cada hora penso em um lugar, estava decidida em NYC, mas tenho medo de achar que estou numa mega SP e caos é o que não falta em nossas vidas, pensei em LA também, por estar perto da praia e por também ser uma cidade grande... enfim, me ajude, Renato.

    Desde já agradeço.

    Abs.

    Fernanda Bueno

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fernanda, nem precisa pensar muito
      BOSTON!!!!!!!!!!!!!!!
      Vc vai adorar
      bjs

      Excluir
  12. Oi Renato, estou com uma duvida e acho que voce pode me ajudar. I hope! Eis o caso, tenho duas filhas que estao vindo pro USA ano que vem, elas tem 15 e 17 anos, mas quando chegarem aqui ja estarão um ano mais velhas. A minha pergunta pra vc é...o historico delas brasileiro do ensino medio 'conta' aqui pra entrar em universidade ou nao? A escola delas nao é lá essas coisas em questao de ensino. Entao pensei se faria sentido em acelerar o ensino medio delas(supletivo) prq elas chegariam aqui com o high School done. Sera que faria alguma diferença alguns anos de ensino medio aqui do que nenhum? Ou o que importa mesmo eh Toefl?
    To muito confusa, to querendo fazer o certo, mas pelo que li aqui, nao vai fazer muita diferenca se elas fizeram os ultimos anos do ensino medio em um fast track.
    Se puder me dar um help, te agradeço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tatiane
      Eu não tenho muita experiência nesse assunto. Só sei de uma coisa. Se elas terminarem o highschool aqui, o processo para entrar na universidade é mais simples. Não tem que fazer tradução juramentada ou ajuste de notas
      Muito mais fácil
      abs

      Excluir
  13. Estou adorando o blog.....parabéns, mto bom mesmo!

    Renato me da uma dica?, vou ficar 2 meses em Orlando, e quero q meu filho estude esses dois meses inglês intensivo mesmo....mas onde? Ele tem 14 anos.....ouvi falar de varias, mas gostaria de uma dica sua....obrigadaaaaa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tentaria o valência.
      Fale com a Cristine, ela é brasileira 407-557-8514
      abs

      Excluir
  14. Oi Renato,
    Muito legal o seu blog, conheci ele recentemente nas minhas pesquisas e ainda estou assimilando tanta informacao.
    Mas queria tirar uma duvida com voce, se for possivel.
    Meu nome é Marcio e tenho 43 anos, e resolvi que quero fazer coisas que ja deveriam ter feito a muito tempo.
    Uma delas, é terminar minha faculdade, que por conta de filho, trabalho (principalmente) , eu entrei e sai umas 4x e nunca consegui dar um fim nisso.
    Minha ideia inicial seria fazer um intercambio de um curso de ingles para ficar mais fluente e depois fazer uma graduacao fora do pais.
    Apesar de adorar a america, e ja estive visitando algumas vezes NY e eu adoro a cidade, eu cogitei fazer esse intercambio na irlanda devido a alguns fatores:

    1o visto de estudante para 1 ano la, significa que sao 6 meses de curso e 6 meses de ferias, que voce tem permissao para trabalhar, coisa que nao teria nos estados unidos.
    2o, o custo dos cursos de ingles serem, em media, de 3 a 4x mais baratos.
    Onde estou querendo uma dica sua,
    Voce acha que vale a pena, eu fazer o curso de 6 meses nos EUA, aplicar o teste de TOEFL e tentar uma faculdade ai?
    Porque , sinceramente, nao tenho a minina pretensao de voltar, a nao ser vez ou outra por conta de familia e tal.
    Mas nao queria ficar de forma alguma na ilegalidade dentro dos EUA, e se eu conseguisse entrar para uma faculdade, eu teria muito mais chances de, pelo menos, esticar a minha estadia e quem sabe conseguir um emprego na minha area.
    Deixei meu ultimo emprego a 6 meses e trabalhei por 12 anos na IBM, inclusive visitei ela na ultima vez que estive em NY.
    Dinheiro para me manter, fazendo curso e morando, acredito que tenha para 1ano ou um pouco mais.
    O que voce acha?
    Desde ja, meu obrigado por nos dar dicas tao valiosas atraves do seu blofg.
    Abs
    Marcio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. minha duvida e parecida com a sua, gostaria de uma reposta.

      Excluir
  15. Fiquei encantada com tantas informações que eu tanto procurei explicadas sem nenhuma dificuldade nesse blog. Queria um conselho. Tenho 18 anos, e meu maior sonho é fazer faculdade no EUA desde os 13 hahahahaha. Mas sabe como é né? Nunca fui o primeira da classe e nem tao bem de vida pra bancar td o aplication, entao, como era muito nova e todos me desestimulando, acabei desistindo.
    Adiei para tentar um transfer, estou cursando letras- ingles pela ufpe e se td der certo começo letras- ingles/portugues na ufpr. O motivo de mudar de faculdade é simples: liberdade pra mandar na minha vida, principalmente no dinheiro pro aplication.
    Entao, minha duvida é: economizo 2014 que nem uma louca pra conseguir o dinheiro e ser a primeira da turma pra conseguir pelo menos uma bolsa parcial ou eu faço um intercambio pro EUA e tento ficar por la?
    Brigada desde ja, pois se nao puder me ajudar com a minha duvida especificamente, saiba que ja me ajudou muito pelas postagens.

    ResponderExcluir
  16. Olá Renato,tudo bom? Me chamo Felipe e ouvi falar já de estudar ingles nas escolas americanas(apenas ingles para estrangeiros) que o governo americano oferece,e é muito barato (na florida 4 meses de curso é 140 dolares !),poderia falar um pouco disso? Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. olá Felipe, procure pelo programa ESOL que é subsidiado pelo governo e de fato são 140.00 por 3 meses e nao precisa ser imigrante, vc pode fazer até com visto de turista, porém é diferente de um curso pago onde tem menos alunos. Pois eu estudo em Davie, Fl e minha classe tem 25 alunos, porém de ótima qualidade pois é dentro de um college. Mas tem vários outros em high school mas a qualidade não é tão boa, porém é mais fácil de entrar. Não precisa comprovar nada somente pagar. Se vc conseguir provar que mora ha mais de 1 ano aqui vc só paga 50 dolares. Porém esse curso não te dar I-20 ele é de fato uma ajuda para as pessoas que moram aqui e não falam o idioma, voltado para o publico adulto portanto se vc estiver no Brasil e pretende vir pra cá para fazer isso, não adianta ir no consulado e pedir visto de estudante, pois será negado na hora, porém eles aceitam qq pessoa. Espero ter ajudado. abs Sidra

      Excluir
  17. Oi Felipe
    Eu realmente não conheço, mas se for financiado ou subsidiado pelo governo americano pode ter certeza que é só para imigrantes, não pode ser por estudantes internacionais ou turistas
    Tem algum link que eu possa consultar?
    Abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Renato é a Sidra td bem? Existe o programa ESOL que é subsidiado pelo governo e de fato são 140.00 dolares por 3 meses e nao precisa ser imigrante, vc pode fazer até com visto de turista, porém é diferente de um curso pago onde tem menos alunos. Pois eu estudo em Davie, Fl e minha classe tem 25 alunos, poré de ótima qualidade pois é dentro de um college. Mas tem vários outros em high school mas a qualidade não é tão boa, porém é mais fácil de entrar. Não precisa comprovar nada somente pagar. Se vc conseguir provar que mora ha mais de 1 ano aqui vc só paga 50 dolares. Eh isso espero ter ajudado. abs !

      Excluir
  18. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  19. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  20. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  21. Olá, Renato!
    Meu nome é Marina, estou cursando biotecnologia na UFRJ, com previsão de terminar em 2016. Acontece que esse curso ainda não é reconhecido aqui no Brasil, então encontrar algum emprego que seja para atuar realmente neste ramo não é nem um pouco fácil. Já pesquisei várias empresas aí nos Eua que estão admitindo, então poderia juntar o útil ao agradável, afinal de contas, quem não gostaria de morar por aí, certo? Vi também que muitas dessas empresas oferecem a aplicação para entrevistas pela internet, mas como nunca fiz nada do tipo e esse seria meu primeiro emprego fora da universidade, gostaria de dicas como o que colocar no curriculum, cursos que eu possa fazer que sejam de grande valia por aí, essas coisas. Já pensei em largar tudo por aqui e tentar recomeçar nos Eua, mas não acho que seja uma opção muito inteligente, afinal de contas já tem quase 3 anos que faço esse curso, não quero jogá-lo fora, até porque gosto das possibilidades que ele me oferece. O problema é que, por mais que tenha conhecidos por aí, não sei por onde começar! Estou meio perdida, pois cada lugar me diz pra começar por um ponto diferente. Gostaria de alguma informação mais certa, de alguém que tenha passado pela mesma experiência. Quem eu conheço, tinha familiares ou dupla cidadania, então não tenho como me basear por eles. Vale a pena largar tudo e recomeçar, por mais que perca esses anos cursados, ainda acho que sim, mas o que eu faria? Conseguiria um curso por aí? Poderia trabalhar com o visto de estudante? Vale a pena investir em empresas especializadas? Se sim, quais você conhece e indica? Como você conseguiu ir praí estudar? Será que vc pode me ajudar?
    Muito obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marina
      Leia o blog que está tudo escrito nos textos
      abs

      Excluir
    2. Bom, então, me perdoe pelas 3 perguntas enviadas, minha internet deu problema e a página de confirmação não abriu, então achei que não houvesse enviado, mas agora percebi que foram 3. Desculpe! Decidi-me por começar outro curso. Agora minha dúvida é: Quanto de dinheiro devo ter para conseguir a aprovação e como escolher a instituição. Tenho que lhe confessar que antes de mandar a primeira pergunta eu lia seus posts fora de ordem, e só depois é que comecei a fazer tudo da maneira correta. Clareou muito, tenho que lhe dizer, mas ainda tenho dúvidas quanto a essas duas coisas. Como vc descobriu essa instituição e pq optou por ela? Vc já pesquisava com um local certo? Desculpe continuar a perguntar isso mas eu ainda não vi nada que me instigasse a ir para alguma instituição.
      Obrigada pela resposta anterior, eu li. Ainda faltam alguns, mas estou chegando lá! rsrs

      Excluir
    3. Marina
      Se você faz federal, eu te aconselharia a terminar e vir fazer mestrado ou doutorado (direto porque aqui pode-se fazer doutorado sem mestrado) com bolsa e ainda recebendo ajuda de custo.
      Não compensa desistir de uma federal para começar do zero aqui.
      As instituições americanas dão muito valor as federais do Brasil. Quem estuda na Uni-esquina não tem chances.
      Procure no facebook uma comunidade de ex-alunos de federais que estão estudando nos EUA. Vi uma vez, não lembro mais
      Além do mais, as federais geralmente têm convênios com escolas americanas
      Frequente as feiras de estudantes todos os anos e fale com os representantes de todas elas. Eles podem te indicar para alguém que vai te dar uma bolsa
      Boa sorte!

      Excluir
  22. Olá Renato! Acabei de conhecer seu blog (achei no google) e ainda não li tudo, mas de qualquer forma, queria parabenizá-lo, pois suas publicações são muito interessantes e pertinentes. Talvez você já tenha falado sobre isso, mas eu não encontrei. Li aqui um texto sobre o exame para Designer de Interiores (http://www.ncidq.org/) o que já me esclareceu parte da dúvida, porém eu gostaria de saber como faço para descobrir se em Maryland o mesmo exame é necessário. Eu sou arquiteta e urbanista com pós graduação em gestão ambiental, mas já trabalhei com interiores também (tudo no Brasil). Agora que estou morando aqui nos EUA, apliquei para a permissão de trabalho (imigração), mas não sei se preciso ser arquiteta licenciada aqui. Como você disse, na Florida sim. Então são duas dúvidas: sobre o registro para arquitetura em geral (não específico para interiores) e para o estado de Maryland. Agradeço muito se você puder me direcionar estas informações. Obrigada,

    Rebeka.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rebeka
      Todo arquiteto nos EUA precisa de licença. Se você tem visto de trabalho tem que prestar o exame e talvez validar o diploma. Você tem que achar no estado onde mora o órgão que regula as profissões e ir consultar eles
      abs

      Excluir
  23. Olá Diego tudo bem? Meu nome é Maria Cristina e atuo no Brasil como consultora online ( corretagem) fico na sede da empresa nos jardins ( Haddock Lobo) , antes atuava na área comercial de empresas de decoracáo e design na Gabriel Monteiro da Silva. esta experiência me ajuda muito no trato com os clientes. No entanto gostaria muito de exercer esta função nos EUA. Para tanto solicito a gentileza de me passar um contato para que possa fazer o curso de habilitaçao para intermediar vendas de imóveis aí nos EUA. Aguardo seu contato e antecipadamente agradeço. email. batista.mariacristina@gmail.com

    ResponderExcluir
  24. Olá, Renato. Meu nome é Rita, sou aposentada e o meu maior sonho é aprimorar meu Inglês. Tenho 53 anos e meu Inglês é bom, mas não sou fluente. Gostaria de ficar pelo menos uns meses nos Estados Unidos me preparando para o Toefl e depois fazer o exame. Meu único objetivo é treinar meu Inglês, mas não sei nem como começar. você me indicaria algum curso com este fim específico.

    ResponderExcluir
  25. Meu nome é Rita, tenho 53 anos e recursos próprios. Meu sonho é aprimorar meu Inglês nos EUA. Gostaria de fazer um curso intensivo de alguns meses a fim de me preparar para o Toefl e depois fazer o exame. Existe algum curso que você conheça que me ajude no meu objetivo. Também não escolhi a cidade. qual você me indicaria, conforme meu perfil. Um abraço e obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá
      Eu iria para uma cidade com poucos brasileiros e latinos.
      Quanto mais ao Norte melhor.
      Agora a escola, você tem que procurar na internet
      abs

      Excluir
  26. Olá Renato td bem? Gostaria que se você puder me esclarecer umas dúvidas. Estamos aqui nos Eua ha 8 meses estudando Inglês e meu marido estar aplicando para college, pois de fato não queremos voltar para o Brasil, porém minha dúvida é a seguinte, após ele terminar o college ele pode pedir OPT que seria a permisão para trabalhar na área dele por 1 ano, porém depois que terminar esse 1 ano a empresa pode pedir o visto H-1 e ele continuar aqui é isso? E também depois de um ano fazendo college ele pode pedir uma permissão para trabalhar para ajudar no sustento enquanto estuda? Sei que vc fez uma matéria sobre isso, pois eu li há mais de um ano e nao estou encontrando, pode me passar o link, assim eu não te ocupo muito ! Obrigada Sidra

    ResponderExcluir
  27. bom dia, ficarei por 3 meses em Kissimee, tenho um filho de 14 anos que fala ingles e uma filah de 5 anos que nao fala. temos visto de turista, ha a possibilidade de eles frequentarem escola regular neste periodo? de preferencia gratuita. obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rosana,

      Acho muito difícil, pois vocês estão como turista aqui, a escola pede muita documentação e comprovante de residência. Se a escola souber que não mora aqui, eles pedem a documentação da escola do Brasil e se duvidar ainda tem quer ser traduzidos.

      Abs,

      Excluir
  28. Olá Renato! Quero fazer um curso, 12 meses, na florida pensei em Miami ou em Fort Lauderdale no ano que vem. Queria alugar um imóvel por um ano, você teria alguma imobiliária para indicar? Abs e muito obrigado. Victor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Victor, estou com interesse em fazer o mesmo que descreveu, gostaria de saber se conseguiu fazer realizar o processo e se pode me dar umas dicas. Guilherme

      Excluir
  29. Victor,

    Favor passar um email para a minha assistente:
    renatoalvescorretor@gmail.com

    Abs,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Renato! Parabéns pelo bloq muito bacana .
      Meu nome é Tatiana sou arquiteta atuante no Brasil onde desenvolvo projetos de Arquitetura e Interiores voltado para aréa residencial. temos trabalhados desenvolvidos nas principais capitais e mais de 50 trabalhos publicados e revistas local e nacional.
      Pensando numa expansão e levando em consideração a demanda por imoveis na Florida para brasileiros nosso escritório tem recebido convites para desenvolver projetos para casas desses Brasileiros. Em janeiro vou passar 40 dias em Miami para conhecer e fechar parcerias. Minha pegunta a você é: como é o grau de dificuldades como funciona para eu tirar a Quatificação (NCIDQ) para eu atuar ai...
      Tatiana

      Excluir
    2. Olá Renato! Parabéns pelo bloq muito bacana .
      Meu nome é Tatiana sou arquiteta atuante no Brasil onde desenvolvo projetos de Arquitetura e Interiores voltado para aréa residencial. temos trabalhados desenvolvidos nas principais capitais e mais de 50 trabalhos publicados e revistas local e nacional.
      Pensando numa expansão e levando em consideração a demanda por imoveis na Florida para brasileiros nosso escritório tem recebido convites para desenvolver projetos para casas desses Brasileiros. Em janeiro vou passar 40 dias em Miami para conhecer e fechar parcerias. Minha pegunta a você é: como é o grau de dificuldades como funciona para eu tirar a Quatificação (NCIDQ) para eu atuar ai...
      Tatiana

      Excluir
  30. Meu nome é Nathalia estou em Chicago estudando inglês mas sem o visto de estudante apenas o de turista. Agora que estou aqui me surgiu a vontade de estudar algo mais específico mas não sei por onde começar. Penso em fazer uma especialização sou fisioterapeuta. O que devo fazer? Toefl? O que mais? Outra questão é que é tão difícil encontrar especialização só encontro mestrado! Se puder me ajudar fico grata!

    ResponderExcluir
  31. ola renato tudo bem, é verdade que o estudante pode trabalhar depois de 1 nao cursando ai ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só na própria faculdade e no máximo 20 hs por semana

      Excluir
  32. Olá Renato,gostaria de saber se eu como brasileira posso fazer direito nos estados unidos,mesmo sem ter uma graduação no Brasil. Tenho 18 anos e me formei no ensino médio ano passado. Estou indo morar com minha mãe um tempo nos estados unidos porque ela tem o visto de trabalho e eu tenho o visto de acompanhante podemos ficar 4 anos no país. Eu pretendia ingressar em uma universidade aí no segundo semestre e me especializar em direito internacional. Mas não sei se posso,sem trr uma graduação no Brasil primeiro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cheyena
      Eu nao sei, vc precisa consultar um advogado brasileiro e pegar o caminho das pedras com ele
      Abs

      Excluir
  33. Olá Renato, tudo bem ?
    Sou formada em design de interiores e no meio do ano agora eu me formo em arquitetura. Moro em Guarulhos/SP e encontrei seu blog por acaso numa pesquisa no google, pois pretendo passar um período nos EUA á trabalho, porém tenho algumas dúvidas. Achei seu blog interessante e é bem incentivador ver que brasileiros podem ter sucesso em trabalhar nos EUA (claro, com muito suor, lágrima e sangue como vc mesmo já citou rs). Gostaria de saber se você pode me dar algumas referências de lugares para trabalhar ( ou até mesmo se você quiser me empregar haha..) Será que você tem um e-mail para eu entrar em contato com vc ? Ou se quiser pode entrar você em contato comigo =) (laispinheiro@globo.com). Desde já agradeço a atenção !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lais
      Precisa fazer mestrado ou outra faculdade aqui pois validar o diploma eh quase impossivel. E como eh caro contratar um estrangeiro, isso so acontece quando a pessoa tem muita experiencia e eh um profissional unico
      Abs

      Excluir
  34. Olá Renato!
    Sua página é muito esclarecedora! Parabéns! Nos ajuda bastante!
    Se puder e souber, claro, gostaria dê saber se pode me orientar no seguinte ponto.
    Pretendo ir como turista aos USA e aí solicitar a alteração do meu visto para estudante de inglês. Após estar craque na língua, que não é totalmente desconhecida para mim, pretendo fazer um curso técnico em enfermagem. Para tanto, sabe dizer se é necessário social security para isso? Pois vejo aí um "caminho", bem árduo para a uma possível legalização. Meu raciocínio está muito errado? rsrs..
    Se puder me esclarecer agradeço imensamente!
    Novamente parabéns pelo site!
    Abraços
    Thaisi Andia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Thaisi
      Você pode fazer isso mais saiba que se mudar o status do visto nos EUA não poderá voltar ao Brasil até receber o green card. Pode demorar 10 anos. Se tirar o visto de estudante no Brasil, pode ir e voltar quando quiser.

      Curso técnico não dá direito a Sponsor, tem que ser bacharel.
      "Ouvi dizer" que enfermagem não pode ser feita por estrangeiros, mas é melhor uma vez aqui você se informar melhor.
      A Valência é uma ótima escola em Orlando e vc pode passar do ingles para a faculdade sem fazer o TOEFL
      ABs

      Excluir
    2. Renato, muito obrigada pela atenção em responder!
      Sim, sei das consequências de ficar fora de status após a expiração do visto. Seria esse mesmo plano.
      Quando estiver aí me informarei melhor sobre o nursing college, pois acaba sendo mais fácil mesmo. Há muitos detalhes relacionados a essa categoria, pois há vários niveis dê nurse.
      Mesmo assim, agradeço bastante!
      Grande abraço!

      Excluir
    3. Renato, acabei me recordando de outra pergunta!
      Você poderia indicar alguém, de blog ou YouTube, que fale específicamente sobre NY?
      Obrigada!
      Agracos

      Excluir
    4. Vá na página do Mundo Pequeno e procure blogs de brasileios em NY
      Se for pra turismo tem um site/livro chamado NY para mão de vacas
      Abs

      Excluir
  35. Renato, o amigo conhece cursos sobre "Medical Interpreter"? Li que há muito desse profissional trabalhando nos hospitais públicos nos US. Daí, né, alguém faz um curso assim, muda pra lá e ganha US $25/hour.

    ResponderExcluir
  36. Renato, good morning from a rainy brazilian Friday. How ´bout a blog in English by Renato. So, U can give us some american slangs, tips...Sleep on it!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luiz
      Já não dou conta desse!
      Abs

      Excluir
    2. Eu imaginei, Amigo! Fica a ideia, né? Abraços.

      Excluir
  37. Queria saber mais detalhes sobre o seu curso! Também sou dessa área e to sonhando em estudar Orlando. Quanto custa por ano? Tem a possibilidade de algum tipo de estágio durante a faculdade?

    ResponderExcluir
  38. Boa noite , Renato
    Conheci seu blog hoje através do passapotebrasilusa sobre diferença econômica entre brasil e USA sobre os preços dos automóveis e impressionante a diferenças de vida !!!! Adorei seu blog parabéns.
    Gostaria que tirasse uma curiosidade sobre o ensino superior , Eu li em um site que quando se formam vam para outro lado do país para fazer faculdade bem longe dos pais por causa da sua independência de viver , totalmente desde a infância o site diz que quando os pais não tem dinheiro ou nao guardado para pagar a faculdade distantes ( geralmente no outro estado e no outro lado do país) eles fazem a communty college que perto de casa , mas mesmo ele mandado seu histórico escolar e o resultado do SAT por exemplo ele não pode estudar em outro estado mesmo sem dinheiro para pagar porque os pais não tinha dinheiro; mas com cotas ajuda do governo e da faculdade e trabalhando parcialmente ele não e Capaz de estudar. E este site disse que a divida estudantil e enorme como o brasilcom regras rigidas para pagar e ele.tem que deixar de estudar e trancar a faculdadepor nao consegui pagar e ter que se virar para poder pagar e acaba deixando o sonho de estudar e e com muito esforço e sufoco e dificuldade eluta para estudar e pagar este.site disse que e como o brasil. Por gentileza gostaria que tirasse essa curiosidade se for possível .Eu agradeço sua atenção.

    Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo
      Acho meio difícil pois na minha classe na faculdade 90% estudavam com crédito 100% do governo. Além do mais o crédito é concedido aos pobres. Ricos pagam a faculdade do bolso como alguns alunos da minha classe. Acho muito difícil o que você mencionou. Na minha faculdade tinha até moradores de rua estudando com crédito do governo!
      Abs

      Excluir
  39. Renato, como vai? O Amigo acha que é verdade que quem visitou os US em 2002, o arquivo "some" e não se acha mais nada a seu respeito? Eu, particularmente, não acredito nisso.

    ResponderExcluir
  40. Renato, tudo bem? Meu nome e Roberto, moro em São Paulo. Obrigado por suas dicas e dedicação. Será que consegue me tirar uma dúvida? Vou aplicar visto de turista, pois quero ficar uma semana em Miami. Acontece que em 2003 fui ai como turista, gostei, morei e trabalhei durante 1 ano sem autorização. Será que depois de 12 anos eles ainda sabem que fui aí? Ou será que posso dizer que nunca fui aos EUA? Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Que eu saiba" a partir de 10 anos caduca. Mas não faça nada mais fora da lei nos EUA ok?
      Abs

      Excluir
  41. Olá, sou estudante de engenharia civil de uma universidade particular, gostaria de saber como posso validar meu futuro diploma ai nos EUA.
    muito obrigado

    ResponderExcluir
  42. Bom dia Renato!! Sou a Fabiane e moro no Rio de Janeiro, onde o custo de vida e a violência faz da vida cada dia mais miserável... Gostaria de saber se vc acha que a idade é um fator impeditivo para tentar uma nova vida nos EUA. Se eu começar a me preparar agora, com 33, (poupar, melhorar o inglês, e coisas do gênero) creio que conseguiria ir perto dos 40...

    ResponderExcluir
  43. Olá Renato! Bom dia. Meu nome é Vitória, termino o ensino médio esse ano, e tenho planos de ano que vem ir pros EUA. A principio vou sozinha, arrumar um emprego, alugar um apartamento, mas tenho planos de começar a faculdade aí, queria saber saber qual o seu conselho sobre isso, e eu não faço a minima ideia de valor, se é muito caro para manter a faculdade e se da pra conciliar faculdade e emprego.
    Obrigada desde já

    ResponderExcluir
  44. Bom dia Renato, meu nome é Cleber, gostaria de fazer um curso de design de interior em Miami ou Orlando, algo com duração de 4 a 6 meses. voce pode me ajudar ?

    ResponderExcluir
  45. Curso de Design de Interiores são 4 anos. Não há cursos de 4 a 6 meses. Talvez você ache e eu nem sei se existe curso de decoração de 6 meses. Mas design não, pois deisgn e decoração são coisas diferentes.
    abs

    ResponderExcluir
  46. Olá, você sabe algo sobre o processo para se inscrever em cursos técnicos?
    Lógico que a meta é após conseguir me comunicar sobrena língua inglesa.

    Te conheci no paulo partenes, bj na alma querido! !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Henriques
      Não sei, mas já te digo, se desejar ficar nos EUA só pode se for bacharel ok?
      Acredito que o processo seja o mesmo da faculdade, mas o curso se chama Associates (equivalente ao tecnico)
      Abs

      Excluir
  47. Oi Renato ! tudo bem ? sou super fã do seu blog e trabalho, gostaria de fazer uma pergunta , qual o nome da universidade que você fez ? Sou designer de interiores técnica em São paulo e pretendo ir estudar ai no final e 2016 com meu esposo e filho, estou estudando inglês para passar na toelf , e qual os programas 3d vocês mais usam ai para desem volver projetos (promob,Autocard, etc..)? estou trabalhando bastante e estou super ansiosa para ir embora quanto você acha que eu vou investir no primeiro ano de estudo ?. aguardo sua resposta , é um prazer te conhecer obrigada

    Vanessa Souza

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vanessa
      Se vc é fã do blog já viu onde eu estudei. Falei em vários posts.
      IADT mas não existe mais.
      Usamos Revit e 3D MAx
      Pra saber os valores vc precisa entrar nas faculdades e ver o preço
      cada uma é diferente!
      Abs!!

      Excluir
  48. Olá Renato!

    A algum tempo comecei minhas busca insana por informações sobre como ficar legalmente nos EUA, adorei seu blog por tamanha objetividade!

    Vi que em alguns comentários seus você diz que quem faz "uni-esquina" não tem chances, mas no meu caso sou bolsista, faço Contabilidade na Unisul (Fica em SC), será que isso conta?

    Termino final de 2016, o que na sua opinião seria "menos" difícil, tentar uma nova graduação ou tentar uma pós? Sendo que quero ir e não voltar mais. Penso que se começar uma graduação vou tentar este tempo "a mais".

    Com toda sua experiencia, me diga o que você faria, ou acha que é a melhor opção.

    Desculpa se ficou um pouco longo!
    Abraço Michele

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Michele
      Se você tivesse feito alguma federal o mestrado seria mais fácil de entrar.
      Tente o mestrado, se não conseguir, uma nova graduação
      abs

      Excluir
    2. Quando você se referiu a quem faz faculdade em "Uni esquina" nao tem chances de conseguir o mestrado e sim em federais. Isso é referente para quem quer bolsa de mestrado ou engloba tudo?

      Excluir
  49. Olá Renato! Tudo bem contigo?
    Meu nome é Tania, moro no Brasil.
    Eu o conheci no canal do Paulo Paternes.
    Sua entrevista foi muito inspiradora e eu estou aqui somente para lhe ser grata pelas informações.
    Então: Muita Gratidão! Abraços.

    ResponderExcluir
  50. Boa noite Renato, tudo bem?
    Me chamo Mirian. Moro em Campos dos Goytacazes RJ, por um acaso achei seu Blog e amei! Poxa, que bacana, fico feliz por dividir conosco sua trajetória. Ainda não deu tempo de ler todo o seu Blog, mas vou tentar ler no mínimo 3 por dia.Que Deus o abençoe.Seja feliz em seus caminhos.Sucesso!

    ResponderExcluir
  51. Ola, Renato. Li em um outro post seu (que agora nao estou achando rs) que quem vai como turista e depois pede a mudanca de status no usa para, por exemplo, estudante pode, se voltar ao Brasil, nao conseguir voltar ao USA novamente. Voce tem alguma ideia da razao disso? Porque solicitar a mudanca de status e obter a aprovacao para tanto e' algo legal, assim, qual o motivo para pessoa ter problemas quando tentar ingressar ao pais novamente de maneira legal?
    Abs. Priscilla.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A imigração não gosta que a pessoa mude o status nos EUA. Se veio para viagem de turismo é pra ficar pra turismo, se quiser vir estudar tem que tirar o visto de estudante do Brasil. Eles ficam muito desconfiados. Aliás, não são burros não é mesmo? É claro que a pessoa entrou como turista porque é mais fácil e depois mudou para estudante para morar nos EUA.
      Eles sabem disso e não gostam
      abs

      Excluir
  52. Oi Renato, meu post me ajudou muito! Curso Direito, estou no 4º ano e pretendo exercer minha profissão no EUA.

    ResponderExcluir
  53. bom dia, meu nome e amanda e eu tenho 13 anos, em maio faço 14 e estou na 8 serie, em setembro vou me mudar para casa de uma tia em portland, mas estou com duvidas seu vou entrar no high school ou no middle school, ou se ate mesmo posso entrar no middle school, minha diretora esta vendo para eu passar de ano no 3 bimestre e cumprir com todas as presenças necessarias eu poderei ir direto para o high school, mais isso e possivel ? ou eu posso mesmo entrar na middle school ? obrigada, amanda email: amandamandi1@icloud.com

    ResponderExcluir
  54. Olá Renato tudo bem?

    Sou formada em Designer de interiores aqui no Brasil, gostaria de saber se meu curso é reconhecido nos Estados Unidos? Se tenho que levar com tradução juramentada. Se puder me ajudar, agradeço muito. Eliane

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eliane
      Não é reconhecido, tem que cursar de novo, pois aqui é bacharel e aí não é certo? Mas dá pra eliminar algumas matérias
      abs

      Excluir
  55. Rodrigo, boa tarde!
    Sou Engenheira de Produção, trabalho na Petrobras e percebi que EUA tem muitas vagas para Engenheiro de Petróleo. Gostaria de me especializar com uma pós em Engenharia de Petroleo e penso em imigrar pra aí. gostaria de sua ajuda, visto que irei pra Oceanside, NY. Porém não achei uma universidade perto de oceanside para essa área.

    ResponderExcluir
  56. Rodrigo,
    boa tarde.
    minha prima mora em oceanside, NY. ela já mora há anos e é casada com americano há anos. Ela pode ser o caminho para conseguir uma imigração?
    Obrigada.

    ResponderExcluir
  57. OLá Carolina
    Meu nome é Renato. Não, ela não pode...

    ResponderExcluir
  58. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  59. Oi Renato, tudo bem? Desisti do Brasil, na verdade, o Brasil desistiu dos brasileiros. Sempre tive vontade de morar em Orlando, tenho casa aí, mas sempre pensava na dificuldade em começar do zero e deixava para lá. Acontece que agora, morar no Brasil está muito complicado, custo de vida altíssimo, falta de segurança, etc, etc, etc, tudo que já sabemos. Eu e meu marido tomamos a decisão definitiva de ir embora e levar nossa filha de 2 anos para morar e estudar aí. Minha dúvida é a seguinte, agradeço se puder me ajudar. Penso em fazer um curso de Interior Design, pois trabalho na área de mobiliário corporativo e acredito que vá agregar bastante. Só encontrei apenas um curso presencial, na Seminole State College, mas é graduação mesmo, 4 anos...queria um curso de duração menor, uns 2 anos e vi que a IADT não existe mais. Você teria alguma sugestão sobre cursos na área? Adoro seus projetos, by the way!Obrigada - BEATRIZ

    ResponderExcluir
  60. ola Renato, gostaria de uma ajuda quanto a ingressar na faculdade.
    minha filha terminou o ingles (os 6 niveis) no Miami dade e agora? a imigracao aprovando o status de estudante ela pode fzer a prova do "toffel" e ingressar na faculdade paga? publica nem pensar imagino eu , pois ainda nao temos a documentacao. estou perdida e minha filha parada.

    ResponderExcluir
  61. Eles na verdade vasculham sua vida inteira antes de entrar em qualquer faculdade, verdade seja dita.

    ResponderExcluir

Etiqueta cai bem em qualquer lugar, até na internet. Seja educado ao comentar e perguntar. Olá..., meu nome é..., por favor e obrigado são palavras que ainda estão em uso e mostram cordialidade. Afinal, o blog não é balcão de informações de shopping e embora eu esclareça as dúvidas de todos de bom grado, não ganho nada para isso.
Obrigado por comentar e abração!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...