quarta-feira, 15 de setembro de 2010

E Como Eu Faço Sem Arroz com Feijão?

Este artigo foi publicado primeiramente no site http://www.sairdobrasil.com/

A idéia que muitas pessoas têm é de que a dieta dos americanos é composta basicamente de hamburguers e comida enlatada. Hollywood adora mostrar pessoas se empanturrando de batatinhas e cervejas, sentados à frente da TV e essa é a idéia que fica na nossa mente. É verdade que o americano em geral gosta muito de hamburguers. Mas gosta também de churrasco, saladas, e muitas outras coisas comuns aos brasileiros.

De fato, se você vier passar um tempo nos EUA não vai sentir quase nenhuma falta das comidas brasileiras. Se você souber cozinhar, dá para repetir todos os pratos que comemos no Brasil. Nos supermercados você encontra todos os produtos que vai precisar. Alguns tem nomes que não tem como adivinhar. Por exemplo, a nossa famosa Maizena você vai encontrar como Corn Starch. A salsinha que usamos como tempero você encontra facilmente na sessão das verduras e com o nome de Parseley. Na internet você encontra listas de tradução de temperos, verduras, etc. É só googolar e pronto! No supermercado, os produtos estão dispostos assim como no Brasil, as farinhas todas juntas, etc. Então é só procurar!


Mas, existe alguma coisa que não se encontra nos supermercados americanos? Já me perguntaram. Algumas coisas são um pouco difíceis de encontrar e você vai precisar usar um pouco a imaginação. Eu não encontrei algumas farinhas, como por exemplo a farinha de rosca(que usamos para empanar), farinha de milho e a farinha de mandioca torrada (a que usamos para fazer a farofa). Outro dia eu vi na internet uma receita de torta de morangos e quis tentar. Não encontrei em nenhum lugar gelatina incolor ou geléia de brilho. Ninguém nunca ouviu falar! A última opção foi apelar para uma receita caseira de geléia de brilho que eu peguei no site da Ana Maria Brega. :-)

Algumas coisas que não existiam nos EUA como o nosso creme de leite(table cream) e leite condensado(sweet condensed milk), hoje você encontra em qualquer supermercado. Quase escondido porque tem bem poucas latas. O americano não conhece e não sabe para o que serve. Várias vezes eu comprei e o caixa ou outra pessoa ao meu lado perguntou pra que servia o creme de leite. Você encontra muitos desses produtos na seção de comidas étnicas. Outros, nós brasileiros é que não conhecemos como Sour Cream, wipped cream, etc.

Requeijão e Nescau são outras coisas difíceis de encontrar. Só encontrei no supermercado brasileiro em Orlando. Mas devido à distância(15km) tenho experimentado produtos similares dos supermercados do bairro. Você encontra aqui muitos tipos de queijos que se adicionarmos um pouco de leite e misturarmos bem passa perfeitamente por um requeijão. Uma porção de achocolatados. Por isso eu digo que, usando um pouco de imaginação e o jogo de cintura do brasileiro, dá pra se viver nos EUA e se alimentar da mesma maneira que no Brasil.

O que mais eu escuto aqui é sobre o arroz com feijão, como eu faço? Acredite, é mais fácil que no Brasil. Eu compro o feijão em lata já cozido(4 latas por 3 dólares), sem tempero e somente com água. Coloco em uma panela para esquentar, torro o alho na frigideira, adiciono mais alguns temperos e deixo ferver por alguns minutos. O tempo total de preparo, desde abrir a lata até servir não passa de 15 minutos. Eu sou bem exigente com o paladar e posso dizer que o feijão fica o mesmo. Um brasileiro já veio comer aqui em casa e achou o feijão delicioso, até pediu a receita. Você tem a opção também de comprar uma panela de pressão e preparar o feijão como fazemos no Brasil. O arroz dá pra fazer de qualquer maneira. Os mesmos tipos que encontramos no Brasil encontramos aqui também. Eu só uso arroz parboilizado. Somente quando comecei a viver aqui que me dei conta de que parboilizado vem de “par”-parcial o mesmo em português e boilizado vem de “boil” ou “boiled” que significa cozer ou cozido. Par-boiled é parcialmente cozido.
Ainda dou muita risada quando ouço alguém falar arroz parabolizado :-)


Mas feijão em lata?? Sim, porque não? Quando falamos que americanos gostam dos enlatados, existe um pouco de verdade nisso. Os corredores de enlatados nos supermercados são gigantes se comparados com o das comidas frescas. Quase tudo o que você encontra fresco, encontra também enlatado. Feijão, vagens(green beans), milho verde, beterrabas, grão de bico e até couve para feijoada, tudo cozido com água. Quem no Brasil compra o sabugo do milho, cozinha, raspa e tira o milho verde para preparar um prato? Nunca ví ninguém fazer isso. Compramos o milho verde, a sardinha, o atum, tudo em lata no supermercado.

O americano faz o mesmo mas, tem uma opção maior do que somente milho verde e ervilhas. Além da praticidade, acredite, é mais barato que comprar o produto fresco! Por exemplo, um chumaço de couves(collard greens) custa por volta de 3 dólares. Você compra um chumaço, limpa, cozinha e a coisa encolhe tanto que dá pra somente duas pessoas. A mesma porção em lata, picado e cozido só em água você paga 99 centavos de dólar. Pela praticidade e custo eu uso o feijão, milho verde, couve e molho de tomates em lata somente. O resto eu preparo fresco mesmo. Algumas coisas eu nem compro porque são muito caras como por exemplo papaia. 3 dólares “cada um”!

Se decidir usar algo em lata tem a opção de comprar o produto somente em água. Pode confiar que só tem o produto e água mesmo. O americano adora processar e ganha milhões fazendo isso. As empresas tem muito medo de não escrever a verdade nos rótulos dos produtos. Então se está escrito feijão e água, só tem feijão e água mesmo! Não contém conservantes ou corantes. Tem a opção também de comprar já temperado, todos os tipos de feijão que se possa imaginar. Mas os que provei tem gosto de remédio.

Mas afinal, o que é que o americano come? Podemos dizer que o americano em geral não gosta de passar muito tempo na cozinha. Então tudo o que já vem pronto, eles preferem. Por 1,60 dólares você compra um pacote de verduras já picadas, frescas, com uma porção de legumes dentro. Dá para 4 pessoas tranquilamente. Porque então comprar todos eles separadamente, picar, ralar, etc? Além de sair mais caro, dá mais trabalho. Ao lado voce pode ver a promocao "Buy One Get One Free".

Quando sou convidado para alguma refeição em casa de americanos ou mesmo aqui em casa quando a Louise resolve cozinhar, comemos uma carne, vegetais cozidos e purê de batatas, que o americano come em substituição do arroz. Tudo sem tempero que você só acrescenta sal e azeite. Bem sem graça para falar a verdade. O trabalho de acrescentar temperos, cebolas, salsa e preparar pratos não é comum. O americano tem um forte café da manhã e no almoço somente um “lanche” ou um sanduíche. Nós aportuguesamos o “lunch”(almoço) americano para o nosso “lanche” do Brasil, que associamos com sanduíches.

Tem também aqueles que se alimentam somente dos Fast Foods. Café da manhã, almoço e jantar! Rapidamente passando em um “Drive Thru”, eles compram a reifeição para a família toda, mas as pessoas que fazem isso são muito criticadas. Na TV você vê propagandas atacando Fast Foods a toda hora, associando a obesidade a tal tipo de comida.

O “snack” preferido dos americanos (petisco no Brasil) é a batatinha frita no pacote. A famosa Chips. Acredite, tem um corredor imenso somente disso nos supermercados. Na faculdade, a maioria come batatinhas fritas e coca-cola. Eu, sempre com a minha maçã e limonada. Tem que ser forte para resistir à tentação de comer só besteiras porque aqui elas são mais baratas que no Brasil.

Enquanto na TV mais e mais propagandas e programas mostram os perigos de tal dieta, vemos os supermercados daqui lotados desses produtos. Isto indica que a população tem consumido esse tipo de alimento em grande quantidade. O setor de frutas e legumes é minúsculo se comparado ao setor de enlatados, de comidas prontas, cereais e de “chips”. Porém, se você desejar uma dieta saudável o que não vai faltar são opções e com uma vantagem sobre o Brasil. Nos EUA não se paga imposto sobre alimentos de primeira necessidade. Arroz, feijão, frutas, legumes, verduras, pães, batatas, leite e tudo o mais não se paga os 6,5% de imposto que você terá que pagar se comprar batatinhas fritas, bolachas, chocolates, etc. Tudo aquilo que é considerado “necessário” para a nutrição, o governo não cobra o imposto. Neste ponto, o Brasil deveria seguir o exemplo dos americanos principalmente porque nosso povo, em geral, tem um poder aquisitivo menor e eu acho a comida no Brasil muito cara.

Portanto, se você desejar viver nos EUA mas está com receio de sentir falta da maravilhosa comida brasileira, não se preocupe. Dá pra cozinhar da mesma maneira como no Brasil e gasta-se muito menos. Não deixe de convidar americanos para uma refeição. Eles ficarão impressionados com os sabores dos temperos e do capricho com que preparamos nossos pratos brasileiros .


Setor "ethnic" voce encontra o creme de leite

Quase todos os legumes tem a opcao de comprar enlatado.

Sopas Campbells

2 carambolas por 3 dolares :-(

26 comentários:

  1. Ouvi que carne é custoso aí, que o que vende são salsichas e essas misturas. Isso confere?

    ResponderExcluir
  2. Helton
    Se voce nao fizer o cambio, o preco da carne eh quase a mesma coisa. 1kg de uma carne que no Brasil custa 8,00 reais aqui custa 8,00 dolares. Carnes mais sofisticadas, file mignon se ai custa 15 reais aqui custa 15 dolares.
    O problema eh que muitos brasileiros multiplicam o valor do dolar por 2 e depois saem dizendo que o kg do file mignon aqui eh 30 reais. Ai da a impressao que eh caro mesmo. O que eh caro eh pagar em “real” pela carne.
    Se vc ganhar em dolar e pagar em dolar sai na mesma.
    Aqui nos EUA pegou a moda do “Buy One Get one Free”. Eu vejo online quando eh que a carne tem essa promocao. Dai compro duas pelo preco de uma. Comprei outro dia 2 kg de peito de frango por 7.50 dolares pelos dois.
    Salsicha como conhecemos no Brasil aqui se chama Hot Dog. Salsicha aqui eh o que conhecemos como linguica. Tem inumeras marcas. Geralmente bem apimentadas. Custam mais barato que a carne.
    Abs!

    ResponderExcluir
  3. Desculpe: Buy One Get One Free - Compre um e leve outro de graca.

    ResponderExcluir
  4. CARAMBOLA 2 POR 3 DOLARES???

    Tinha uma árvore aqui em casa, que cortamos fora de tanta fruta que dava! Era um saco plástico LOTADO de carambola madura que caía no chão que ía pro lixo POR DIA! No mínimo! hahahahaha

    Fora que fazíamos suco de carambola 1 vez no ano, se muito... kkkk

    ResponderExcluir
  5. Pra voce ver Gabriel como custa caro uma fruta aqui. Um saco de batatinhas gigantes custam centavos, pode? O povo prefere comer as batatinhas as frutas. Temos que lembrar tambem que carambola aqui eh fruta importada o que piora o preco. E logo agora que eu comecei a gostar de carambola...CARAMB....OLA!!!
    abs

    ResponderExcluir
  6. Hellão Renato! Acabei de ler um comentário seu no meu blog (obrigada) e fiquei curiosa para conhecer o seu. Por enquanto dei só uma olhadinha, mas gostei bastante e lerei mais. :)

    Já moor nos Estados Unidos há 10 anos e sei muito bem como é esse aprendizado "culinário". Com o tempo, você vai percebendo que consegue fazer tudo com pequenas adaptações.

    Bom... não li o post inteiro (estou com sono agora.. mas lerei amanhã), mas não poderia deixar de te dar algumas dicas: feijão em lata? na correria, funciona, mas dá uma passadinha no Walmart é compra uam pressure cooker... aí é só correr para o abraço.

    A farinha de milho vc pode substituir por "corn meal". Corn meal é a farinha de milho com um textura diferente; e a farinha de rosca, vc pode substituit por bread crumbs... está tudo lá na área de farinhas e produtos para bolos e pães.

    Bom... depois passo aqui para deixar mais dicas.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  7. Oi Vanessa!
    Obrigado pela visita e pelas dicas! Gostei muito do seu blog e da sua mini-biografia!
    Abs

    ResponderExcluir
  8. Parabéns pelo seu blog renato, estou lendo om muito gosto !

    ResponderExcluir
  9. Obrigado pela explicação
    O feijão de lata daqui não contém GMS nem conservantes ou estabilizantes. É só o feijão em água. Questionei no supermercado e disseram que eu poderia ter certeza que se tivesse algo mais, a empresa já teria sido processada porque aqui sempre se arruma uma maneira de processar e ganhar dinheiro. Mas esse BPA eu não sabia.
    De qualquer forma ja tenho minha panela de pressão.

    ResponderExcluir
  10. Vou ficar alguns dias nos EUA, e sou meio "fresca" no café da manhão, não abro mão do meu leite de soja e pão integral...
    Será que encontro ai?

    ResponderExcluir
  11. Oi Renato, tudo bem?! Meu nome é Carolina e sempre visito o seu blog. Estou morando aqui nos EUA há dois meses, mas ainda não sei onde encontro filet nem filet mignon. Faço minhas compras no Target e lá só tem Sirloin. Sempre que tento cozinhar em casa a carne fica dura. Você sabe de alguma maneira pra ela não ficar assim? Precisa eu comprar uma panela de pressão? Ainda não tenho carro aqui, por isso só vou a lugares que o metrô alcança. Obrigada pela sua atenção. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carolina
      Vai no Publix ou no Winn Dixie e peça por Filet Mignon mesmo. Tem esse nome mesmo. As vezes eu acho como medalions (medalhoes de file mignon)
      So isso que eu sei
      Outras carnes eu cozinho na panela de pressao mesmo. Fica uma delícia
      Abração!

      Excluir
  12. Oi Renato
    sobre o BPA, é um fato sim. A recomendação é diminuir o consumo de enlatados. Veja as recomendações

    1 - Don’t microwave polycarbonate plastic food containers. Polycarbonate is strong and durable, but over time it may break down from over use at high temperatures.
    2 - Plastic containers have recycle codes on the bottom. Some, but not all, plastics that are marked with recycle codes 3 or 7 may be made with BPA.
    3 - Reduce your use of canned foods.
    4 - When possible, opt for glass, porcelain or stainless steel containers, particularly for hot food or liquids.
    5 - Use baby bottles that are BPA free.

    Pela lógica, os americanos DEVERIAM processar os fabricantes de canned food, não?

    bjsss
    Leila

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aqui em casa é um problema. A Louise compra tudo de lata...e não há o que faça ela mudar de idéia. Eu já comprei uma panela elétrica que faz feijão.
      Bjs

      Excluir
  13. Renato,tudo bem, você pode me dar uma opinião como faço para oferecer minha casa a americanos que gostariam de vim assistir as copas aqui em fortaleza? juninhoriolo@gmail.com

    ResponderExcluir
  14. Olá Renato!

    PARABÉNS!

    Suas dicas são incríveis! Você é demais! Está me ajudando muito mesmo, obrigada!

    Ficarei em San Diego no próximo mês de junho para realizar um curso de inglês e adoraria poder cozinhar, para economizar nas despesas com refeições e assim poder aproveitar mais a viagem, pq o orçamento está bem curto rsrsrs

    Como ficarei em residência estudantil e só terei microondas disponível, gostaria muito de saber que panela elétrica é essa que você tem que faz feijão? Ela faz outras coisas também? Onde posso comprar?

    Ficarei muito grata pelo HELP

    Atenciosamente!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, usa o de lata que é a mesma coisa, dai ferva no microondas com tempero. FIca igual. Vc pode também fazer na crockpot (tem um post aqui) ou na rice maker
      https://www.google.com/shopping/product/3596049066567416391?q=rice%20electric%20rice%20cooker&hl=en&bav=on.2,or.r_cp.r_qf.&biw=1536&bih=757&sa=X&ei=3QBoUbLTHY269gTSvIHAAQ&ved=0CHsQ8wIwAA

      Abs!

      Excluir
    2. Renato, muito obrigada por responder! Bju

      Excluir
  15. Olá Renato! Obrigada por compartilhar tanta coisa legal!
    Meus filhos querem comprar os materiais escolares em Orlando. Saberia me dizer outra loja além da Michael's?
    Muito obrigada!
    Cris Plácido

    ResponderExcluir
  16. Olá Renato!
    Primeiramente, obrigada por compartilhar tantas dicas legais!
    Meus filhos querem comprar materiais escolares em Orlando. Saberia nos indicar outra loja além da Michael's?
    Abraço,
    Cris Plácido ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cris
      Vá na Sam Flax na Colonial Drive. É a melhor loja.
      Tem também a Office Depot
      Abs!

      Excluir
  17. Sou aqui de Pernambuco, Recife pra ser exato
    A saudade iria bater na hora do sarapatel e da galinhada com cerveja gelada, na beira da praia kkkkkkk
    Seu blog é Show de Bola, parabéns!

    ResponderExcluir
  18. Olá Renato, Greetings hehe
    Aqui quem fala é o Kelvin de Recife - Pernambuco
    O problema pra mim ia ser na hora de preparar umas coisas que só aqui mesmo que eu nem sei se você já provou e todo pernambucano não vive sem: Chambaril, Sarapatel, Fava, Dobradinha...
    Seu blog é SHOW DE BOLA demais!

    ResponderExcluir
  19. Muito bacana esse post.
    É bom saber que não só de fast foods se vivem os americanos rs.

    ResponderExcluir

Etiqueta cai bem em qualquer lugar, até na internet. Seja educado ao comentar e perguntar. Olá..., meu nome é..., por favor e obrigado são palavras que ainda estão em uso e mostram cordialidade. Afinal, o blog não é balcão de informações de shopping e embora eu esclareça as dúvidas de todos de bom grado, não ganho nada para isso.
Obrigado por comentar e abração!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...