domingo, 29 de maio de 2011

Ataque de Jacarés na Flórida

Se você pudesse ver como são lindas as casas à beira de lagos aqui em Orlando você com certeza pensaria, assim como eu, que um dia gostaria de morar em uma casa dessas até...que um dia, assistindo TV eu vejo no noticiário local: “Mais uma mulher foi atacada por um jacaré enquanto fazia cooper”. Lembrei de um seriado americano que passou no Brasil quando eu tinha uns 15 anos e contava a história de uma mulher, cujo marido a jogou aos crocodilos na Flórida. Ela sobreviveu e, depois de muitas plásticas, voltou como modêlo famosa para se vingar do marido. Alguém lembra o nome desse seriado?


Os ataques de crocodilos, alligators e jacarés são comuns na Flórida. Me lembro de alguns anos atrás ver na TV um caso de uma família brasileira cujo filho foi atacado por um réptil desses em uma visita à Disney. O garoto foi internado em um hospital sem muitos danos, mas o caso é, precisa ter cuidado. Quem é que gostaria de se tornar um “lanche feliz” de crocodilo? Mesmo freqüente, há somente 21 casos de ataque fatal (causando a morte) desde a década de 50.

Mas antes deixa eu falar sobre uma curiosidade que eu tive ao pesquisar sobre o assunto. Qual a diferença entre crocodilo, jacaré e aligator? Na verdade eles são de famílias diferentes. No Brasil só existe jacarés mas, nos EUA existem jacarés, crocodilos e alligators. O maior de todos é o jacaré Açu. Se quiser pode pesquisar mais a respeito na Wikipédia.

Habitat do Alligators e Jacarés

Habitat dos Crocodilos
Ver uma notícia na TV de que uma pessoa foi atacada por um jacaré é, no mínimo, aterrorizante. A Flórida já tem mais de um milhão desses animas espalhados por lagos e canais em todos os lugares e nem sequer um deles é digno de confiança. Não pense que alimentando um jacaré você vai fazer “amizade” com ele porque o bicho tem o cérebro do tamanho de uma noz e mesmo recém nascido, morde e ataca.


Orlando tem milhares de lagos e tolo é aquele que pensa que em um lago minúsculo não pode haver jacarés. Outro dia viajando para visitar a avó do Bobby vi, em um pequeno lago do tamanho de uma piscina um jacaré somente com o focinho e os olhos de fora!

Observe quantos lagos tem só em Orlando. Se aumentar o zoom mais uma
centena de outros menores aparecem. Todos eles podem conter jacarés!
Foto aérea de Orlando (em viagem a Las Vegas)
Sim, qualquer lugar que tenha água pode ter jacarés porque, se você não sabe, eles se deslocam à busca de alimento.Com isso em mente criei minha própria regra para não virar “lanche infeliz” de crocodilo: Não chego perto nem nado em qualquer lago da Flórida. Paranóico? Pode ser mas olha essa foto aqui de um lago em um conjunto residencial. Um pequeno e charmoso lago está localizado bem ao centro da propriedade.


 
 Andando poucos passa para trás olha só o que diz o sinal:

Não alimente os ALLIGATORS!!! MEDO...
Bom aqui vai umas dicas de como se precaver de virar um “lanche infeliz” de crocodilo:


- Assuma que TODOS os lagos e canais da Flórida é casa desses animais

- Não vá todo feliz passear à beira de um lago com seu cachorrinho(a). Esses pequenos animais dão água na boca de um crocodilo.

- Se você ver um deles, não chege perto e fique esperto com o pareceiro(a) que pode estar escondido. Imóveis, podem parecer preguiçosos e lentos, mas eles pulam e podem se mover a 48km/h por 10 metros! Você não conseguirá escapar ao menos que seja filho(a) do “the Flash”.

Não se iluda, ele não está sorrindo, correndo feliz...
 - Jamais alimente um deles. Eles voltarão e o dia que você estiver de bobeira(eles se movimentam silenciosamente) já viu...


- Crocodilos, aligators e jacarés se alimentam do entardecer até o amanhacer portanto, não há razão pra você ficar perto ou dentro da água nessas horas em que você mal pode ver.

- Se estiver com seu parceiro(a) e decidir ver o por do sol à beira de um lago preste atenção nos movimentos da água e JAMAIS coloque os pés dentro d’água sentado em um pesqueiro.

- Se você for atacado(a) por um jacaré terá poucos segundos pra reagir antes de ficar inconsciente. As pessoas que sobreviveram contaram que apertaram seus olhos, enfiaram os dedos dentro de suas narinas e assim o ataque foi interrompido e o jacaré se afastou.

- Mesmo se levar uma pequena mordidinha de jacaré vá para o hospital. Mordidas desses animais infeccionam rapidamente.

Mesmo tomando todos esses cuidados “visitas” de jacarés podem acontecer de vez enquando. Se procurar na internet você encontra fotos de jacarés em piscinas, nas portas das casas e até mesmo debaixo dos carros. A mais aterrorizante que eu vi foi a de um jacaré dentro do BANHEIRO! Olha, eu acho que se isso acontecesse comigo eu virava "lanche infeliz" porque eu teria uma síncope se visse um desses dentro do meu banheiro.




Como diria minha amiga Lorna "Pense num MEDO..."
 Ataques e visitas como essas não acontecem todos os dias. Geralmente as pessoas que são atacadas por jacarés, crocodilos ou gators são aquelas que vacilaram entende? Foram nadar em lagos que sabe-se que tem jacarés, chegaram perto, tentaram cutucar com uma vara, etc. Sabe né, “you can’t fix stupid”. Porém nem tudo está perdido. Ontem no jornal ví uma nova raça de cachorros que atacam jacarés. Três deles estraçalharam um jacaré no quintal de uma casa. Será que se eu treinar Annabelle ela se torna uma perigosíssima devoradora de Jacarés! :P


Veja a foto abaixo
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.

:-) : P

23 comentários:

  1. Essa história de jacaré na piscina, é bem verdade.Tenho uma conhecida que morava em um condomínio perto de Miami e um dia, quando acordou, encontrou um visitante confortavelmente instalado na sua piscina, um jacaré!
    Viviane

    ResponderExcluir
  2. Você pretende fazer estágio aí nos EUA? Se você tiver informações sobre isso, faz um post sobre estagio para estudantes estrangeiro... =p

    ResponderExcluir
  3. Eu estou comecando a amar a neve. Se um dia eu tive intencao de morar mais pro sul dos EUA, agora se foi de vez. Depois de ver tantos tornados, furacoes (que ainda nao aconteceram este ano), e jacares, vejo que a neve e fichinha perto de tudo isso. Vou e ficar quietinha aqui e comecar a curtir mais os invernos de Massachusetts.
    Um abraco

    ResponderExcluir
  4. Eu ia adorar viver em Massachusetts com a neve...quem sabe um dia eu vou pro norte longe dos "pueblitos"! kkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  5. Ok,vamos evitar... nada de cutucar com varas, nadar em lagos com jacares, mas como evitar aquele simpatico tocando a campainha da casa ou o bonito indo fazer um xixizinho no banheiro??

    ResponderExcluir
  6. Ah sim, esse jacaré até os meus dogs não treinados estraçalham,rsrsrs. Que coisa, jacaré invadindo casas é demais, nada pode ser perfeito mesmo, sempre tem um problema. Se bem que eu ainda prefereria um aligator do que esses que invadem as casas aqui, de duas pernas, aff!!!Que medo!! E a Annabelle como vai?

    ResponderExcluir
  7. Wilma
    Esses jacarés até dá pra encarar né? Os "jacarés" brasileiros que são difíceis. A Annabelle está ótima. Já pulou na piscina umas duas vezes. Está perdendo o medo...também, nadando quase todos os dias!
    Beijão!

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem? É a primeira que escrevo, mas venho acompanhando o blog já há algum tempo. Tenho algumas sugestões para assuntos: Como é o transporte público americano; o que é preciso para conseguir o "Green Card" e o que os americanos acham dos brasileiros que se mudam para os E.U.A.. Sei que já existe um tópico sobre "preconceito" mas gostaria de saber se eles gostam, não gostam ou se são indiferentes a esse respeito.
    Obrigado.

    ResponderExcluir
  9. Oi Fábio
    Obrigado pelo comentário e sugestões. Sobre transporte público isso é um assunto que depende da cidade entende? Cada cidade é diferente. Vou escrever um sobre transporte público de Orlando.
    Para saber como se faz para obter um Green Card tem zilhões de sites que explicam. Visite o www.brasileirosnoseua.com lá você encontra a informação. Eu escrevo experiências que tenho tido. O green card, espero que seja uma delas no futuro.
    No post preconceito eu falo que os americanos gostam de qualquer pessoa que seja educada, quieta, não perturbe a vizinhança, cuide de sua casa e dos seus filhos, independentemente da nacionalidade.
    Comentei com minha professora sobre preconceito contra brasileiros. Ela tem 60 anos e nunca ouviu falar nada a respeito...O país é cheio de imigrantes, eles estão bem acostumados a eles. Porém gentalha tem em todo lugar não é? Aqui também...americanos, brasileiros, portoriquenhos, chineses, etc
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  10. Olá Renato! Conheci seu blog há poucos dias, mas já estou amando. Acho divertidíssima a forma que vc escreve,e as experiencias que relata. Moro em Brasília e estou à 2 meses de me mudar para Cary, NC. O marido vai fazer um mestrado na Duke University, e eu, vou aprender inglês ainda, pois, apesar das muitas ídas à passeio, não falo quase nada, praticamente "anarfa". Vai ser uma experiencia muito rica,com certeza, e acredito que logo passarei pela tal sindrome do ex namorado tb.
    Estou lendo o seu blog desde o comecinho pra acompanhar direitinho.rs Quem sabe eu possa fazer do meu blog(de frescurinhas de mulher) um belo diário de viagem,neh.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  11. Horror total a todos os répteis e seres de sangue azul, real ou não. Na Holanda não há crocs e aparentados, seria o fim da picada.

    ResponderExcluir
  12. Rosana
    Gostei do blog "frescurinhas de mulher" hahaha. Sim, pode ser bem legal. Eu acompanho vários blogs de brasileiros que vivem no exterior. É muito legal ver como cada um vive fora do Brasil e como lida com isso.
    Que bom que gostou dos relatos. São todos verídicos!! kk
    Bjs e boa sorte! Ps Estude bastante!

    Anita
    kkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Bjs

    ResponderExcluir
  13. Ai que horror!! Jesus!! Eu ia virar paranóica que nem você. Bj

    ResponderExcluir
  14. Adorei seu blog, muito completo, parabéns!
    Dos vários blogs que contam a experiência de brasileiros no exterior que eu já li, o seu é um dos melhores até agora..
    Só uma curiosidade, você também trabalha ou só estuda no EUA? Eu tenho vontade de fazer meu mestrado no EUA, mas sei que vai ser meio duro ficar sem trabalhar, pelo custo de vida e por conta de ser tão dificil conseguir o visto de trabalho por ae..
    abraçooo!!!

    ResponderExcluir
  15. Larissa
    Eu só estudo. Antes de vir fiz um planejamento para que pudesse fazer tudo direitinho certo? Sem "jeitinho" brasileiro
    Abs!

    ResponderExcluir
  16. É MEU CAMARADA GOSTEI MUITO DESSA MATÉRIA, POIS SEMPRE FIQUEI ENCANTADO COM A QUANTIDADE DE LAGOS EXISTENTE EM MIAMI E SÓ CONSEGUIA PENSAR NA QUANTIDADE DE PEIXE QUE PODERIA EXISTIR NA QUELES LAGOS E ACHAVA ESTRANHO NÃO VER NINGUÉM NAS BEIRADAS PESCANDO. RSRSRS AGORA ENTENDI TUDO, ESTA EXPLICADO, VALEU CAMARADA.

    ResponderExcluir
  17. É, se não tem ninguém nadando ou pescando, melhor não arriscar não é mesmo?

    ResponderExcluir
  18. O seriado chama-se paraíso maldito (ou filme), não me lembro bem dele.

    ResponderExcluir
  19. O nome do seriado Paraíso Maldito.

    ResponderExcluir
  20. Vc não tem ideia de como eu tou amando seu blog!
    tou lendo todos os posts e quase morrendo de rir com sua forma de escrever, é muito dinâmica, não fica aquilo entediante, sabe?
    Além do mais, seu blog traz muita informação, principalmente para todos que querem saber como funciona os esquemas ai nos EUA.

    Lendo seus posts eu fico imaginando que você deve ser muito engraçado, todo certinho, perfeccionista e com mania de limpeza. Igual o Sheldon Cooper kkkkk
    sou sua fã!


    By: Karol Justino / Alagoas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Karol
      As pessoas dizem que sou engraçado, mas não é todo dia que eu estou "inspirado"hehehe
      Fico contente que gostou
      Abração!
      Renato

      Excluir
  21. Nisso o Brasil é melhor , 1 mm de Jacarés , se fosse na grande metropole paulista , esses jacares , durariam no maximo 1 ano , já tinham virado bolsas , calças , sapatos ,jaquetas , espetinho na porta do metro , kkkkkkkkk.
    Proteção aos animais , deve haver alguma lei para protegelos , pois os mesmos chegaram primeiro na florida. Aqui não temos leis para proteje nem o nosso couro , quanto mais couro de jacaré kkkkkkkkk. Abração Renato , aguenta firme não volte para a BANÂNIA ,só a passeio e olhe lá.
    http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2013/03/ciclista-e-atropelado-na-avenida-paulista.html

    ResponderExcluir

Etiqueta cai bem em qualquer lugar, até na internet. Seja educado ao comentar e perguntar. Olá..., meu nome é..., por favor e obrigado são palavras que ainda estão em uso e mostram cordialidade. Afinal, o blog não é balcão de informações de shopping e embora eu esclareça as dúvidas de todos de bom grado, não ganho nada para isso.
Obrigado por comentar e abração!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...