quarta-feira, 15 de novembro de 2017

Na America Tudo Funciona

          Muitos tem a impressão de que nos EUA tudo é perfeito. Em comparação com alguns países realmente pode parecer um paraíso. Ainda mais se a ideia que se faz da America é aquela que vemos nos seriados de TV americanos. O American Dream realmente parece um sonho. As casas, os jardins, os carros, as pessoas, etc. Já ouvi inúmeras vezes que nos EUA "as coisas funcionam". Paga-se os impostos e tem-se retorno daquilo que se paga. 

               Realmente, em muitos pontos, as coisas funcionam melhor que no Brasil, é inquestionável. Não me leve a mal, não estou reclamando, mas se alguém acha que aqui "tudo funciona", da missa esse não sabe um terço.

                Por um acaso você já viu esses programas de TV de reformas, design e decoração, como os "irmãos à obra", que aqui se chama "Property Brothers"? Pois é, reformas feitas em pouco tempo, com pouco dinheiro e no final BAM a casa vira casa de revista. Nesses programas, problemas aparecem em meio à "reforma". E não é de admirar, pois quem já passou por reformas sabe, atrás das paredes e eu diria, debaixo do piso há muito mais do que os olhos podem ver. Pois bem, multiplique esses problemas por 3 na vida real. Afinal eu posso dizer pois essa é a minha profissão. Eu pego casas, estragadas, acabadas e transformo em casa de revista. Claro, dependendo do orçamento. 





               Eu já disse uma vez no blog e vou repetir. Os brasileiros pensam que nos EUA tudo custa o preço de uma banana. Caem do cavalo quando vêem o quanto custa mão de obra especializada e a infalível lei de "o barato sai caro" se aplica aqui também, principalmente se "o anjo que caiu dos céus" cobra a metade do preço. Vai dar merda, pode escrever (desculpe a linguagem).

                   Sabe o que parece? Que a missão da próxima pessoa que vem é o de estragar com o que o último fez. Se você não ficar em cima, se arrepende profundamente pois não há remédio pra "estupidez" nem mesmo antídoto que eleve o bom senso. Vou contar umas histórias hilárias agora, mas na hora dá vontade de bater na cara do indivíduo.

                    Ontem mesmo eu cheguei à conclusão de que na Best Buy eu não ponho mais meus pés. Ontem eu fiquei à espera de uma máquina de lavar e secar para o apartamento do meu cliente. Olha só que maravilha. Três dias antes da entrega a loja manda mensagens de texto e mensagens por telefone confirmando a entrega, o endereço, os ítems e o horário em que serão entregues. Super conveniente! Se funcionasse... Não caia nessa, esteja lá 1 hora antes da entrega pois eles podem chegar no local com horas de antecedência, sem aviso e se você não estiver lá, eles vão embora. Tem que re-agendar e pode levar 10 dias para você entrar na fila e ser atendido novamente. A não ser que você dê um pití no telefone (em inglês) senão não tem conversa. 

                  Os "fulanos" chegaram, olharam o local da entrega e desceram para pegar os ítems. Eu avisei para tomar cuidado com o carpete branco e limpar os pés antes de entrarem. Muito bem, um deles sequer entendia YES, não falava absolutamente uma palavra de inglês. Instalaram a secadora e a lavadora. Na hora de testar, a lavadora começou a jorrar àgua por todos os lados. Em uma lavanderia de PISO DE MADEIRA! Com o apartamento vazio, não havia sequer um pano ou toalha para secar. Eu pensei em tirar a minha própria roupa! Sabe quanto custa para repor um piso de madeira? No final ficou constatado que a máquina não veio com a braçadeira que aperta a mangueira que escoa a água. MESMO SABENDO DISSO, o fulano n. 2 que não falava inglês, colocou a mangueira no bocal, viu que estava solta e mesmo assim ligou a água. Foi um fuá para tirar toda a água da lavadora e secar o chão em segundos com a minha blusa de lã que eu desci correndo para pegar no carro. A loja informou que vai enviar a braçadeira em até 15 dias úteis. Que ótimo. Era só o que me faltava. Claro que vou comprar na loja de material de construção e instalar eu mesmo, com as minhas próprias mãos, pois alguém vai cobrar 50 só pra sair de casa. Final da história, paredes manchadas e carpete imundo que vai ter que ser lavado novamente. 

Custa 195 dólares para mandar lavar o carpete.
Não sai com escovinha e produtos, já tentei.

Mesmo sabendo que a mangueira estava solta ele ligou a água na
lavandeira de piso de madeira
              No mês passado fazendo na casa de um cliente em Celebration, a mesma loja entregou a geladeira 3 vezes riscada e amassada. A mesma nem passou pela porta de entrada. Como eu já sou macaco velho, peço pra tirar da caixa na rua mesmo. Três vezes! Três vezes eu saí da minha casa e fui a Celebration (40km distante) pra receber essa maldita geladeira. Na quarta tentativa a própria loja tirou da caixa antes de entrar no caminhão. Claro que não tinha um risco sequer, mas a porta dessa geladeira abria para o lado contrário do que a que eu pedi originalmente. "Ah, mas liga pra loja e amanhã mesmo um técnico vem e muda a porta de lado pra vc", disse o entregador. Quinze dias se passaram e mais de 10 ligações para a loja não resolveram o problema. Tive que contratar alguém que cobrou 120 dólares pelo serviço. 

            Se você compra os móveis e entregam antes da pintura, o pintor suja os móveis de tinta. Se você pinta a casa antes, os entregadores sujam, riscam e furam as paredes com a passagem dos móveis. Não tem jeito. Não tem como ganhar. Você tem que estar presente e dar uma de louco. Compre 15 cortinas na Bed Bath and Beyond e verá que cada uma tem um tamanho diferente. Eu acho que na China não deve ter régua ou fita métrica porque é impossível conseguir cortinas do mesmo tamanho...Mandar fazer? Claro, custa 20 vezes mais. Um orçamento que eu recebi para cortinas feitas sob encomenda para uma casa de 5 quartos foi 17 mil dólares contra 3 mil na Bed Bath and Beyond.


Cortinas são um elemento excencial no design. Sob encomenda custam
uma pequena fortuna

                 Eu vendi uma casa outro dia e o Mortgage Broker disse que era preciso fazer uma carta para um certo procedimento. Eu perguntei "Você pode me enviar um modelo da carta?" Ele disse que não precisava, era só escrever com as minhas palavras mesmo isso e aquilo. Eu fiz e mandei para as partes assinarem eletronicamente. Todos assinaram e enviei pra ele. Ele me ligou dizendo que o Underwriter não aceitou a carta pois estava escrito isso e aquilo. Eu pedi o modelo ao que ele disse "Não precisa, só tire isso que está bom" Refiz, re-enviei para as partes assinarem e enviei a ele. Com medo de falar comigo ao telefone ele enviou um email dizendo que o Undewriter não aceitou a carta pois faltava ainda isso e aquilo. "Pede pra ESSE underwriter mandar um modelo de carta? "Não se preocupe, acrescente essa frase que está bom". Refiz, re-enviei para assinatura, re-enviei para ele e foi negado de novo. Dessa vez ele envia o email com a carta modelo. E eu fico com cara de palhaço incompetente perante meus clientes, o outro corretor e os proprietários. É toda vez assim. Pedem uma carta? Vai por mim, não envie antes de receber o modelo. Vai voltar. A sensação que dá é a mesma quando você vê um anúncio "Siga me no Instagram" e você clica e dá de cara com uma conta privada. Gente, porque??

           A farmácia manda uma mensagem de texto perguntando se é para colocar comprimidos no frasco para você. Pelo telefone mesmo você digita YES. A farmácia manda uma msg de texto dizendo que seu medicamento já está disponível para pegar pelo drive-thru. Que ótimo! Você chega lá e a atendente diz. Vai demorar uns 30 minutos. Really?? E  outro medicamento? "Não recebemos autorização do seu médico para encher os frascos" Você liga no consultório e a resposta é: "Você precisa ver o médico pessoalmente." diz a pessoa. "E quando é que eu posso ir?" pergunto eu. "O próximo horário é só no mês que vem". Você tem a opção de marcar uma consulta de urgência e ir no mesmo dia com outro médico. Mas o co-pay do meu convênio é 100 dólares porque eu não escondo o que ganho e não tenho direito ao Obamacare. E nem vou falar sobre o Obamacare porque é uma piada. 

O texto diz que a medicação está "esperando" por você
mas ao chegar lá a atendente diz "Vai demorar mais 15-30 minutos"

                 Terminamos no mês passado uma casa em Celebration. Para as salas de entrada eu escolhi um lindo papel de parede. Segundo o cálculo do vendedor eu precisaria de 10 rolos. Comprei 11 só para não perder a viagem. Contratei um dos melhores instaladores. Quando ele chegou lá me disse: "O papel de parede não vai dar, eu preciso de 13 rolos". A loja me disse que demoraria mais 1 mês para chegar. Aff! Vou trocar de papel. Fui na loja, mandei a foto ao instalador: "Esse não dá, as paredes são muito irregulares e vai aparecer"...Mandei outra foto "E esse?". Ao que ele disse: "Esse também não", "E esse?" Também não. Olha, é melhor você vir aqui então. Esperei 1 hora para ele aparecer na loja. Deixei 5 separados em ordem de preferência. Qual ele escolheu segundo sua opinião de que ficaria bom? Claro, o último em ordem de preferência. Comprei os 13 rolos como ele pediu. 

                   Demorou 2 semanas para instalar porque toda hora era um problema diferente e orçamento, em vista desses problemas, subia e subia. Depois de colocado pela bagatela de 1500 dólares de instalação ele me disse: "Sobrou um pouco". Fui lá ver...2 rolos!! Quer dizer, o primeiro papel de parede que eu tinha escolhido ao qual eu comprei 11 rolos teria dado certo! Eu acabei com o papel que eu não queria por causa desse instalador que NUNCA mais trabalha pra mim.


Cada coisa, cada detalhe, cada material é um parto para sair


             E a história não acabou aí. Na hora de dar o retoque nas molduras que você vê em meia parede o pintor prende o papel que protegia a parede com uma fita-tape no papel de parede e na hora de tirar arranca um pedaço do papel de parede. Tá brincando né? *&$##^#%#$%@$!!!!!!!!!!!!

            Eu tenho uma centena de histórias como estas, mas acredito que o post seria imenso se eu descrevesse cada uma. Acho que deu pra ter uma ideia. A America não é perfeita, há muitos problemas. Mesmo assim eu agradeço a Deus por viver aqui, por ter mais segurança, mais respeito, maior qualidade de vida em comparação com a que eu tinha no Brasil. E embora eu reclame às vezes, é aqui que eu quero e vou ficar. Abração!

E pra quem gosta de trasnformação aqui vai as cenas do próximo post Transformação em Celebration:










                 



                    

                   

41 comentários:

  1. Desculpe Renato, mas eu ri muito!!!!!! Sua competência, jogo de cintura e positividade o salvam de qualquer problema. As casas ficam lindíssimas depois de prontas mas até chegar lá...rsrsrs. Aproveite tudo aquilo que vc conseguiu com muita luta e seja muito feliz. Muitas alegrias e boas energias para vc. Carina

    ResponderExcluir
  2. Ola , Renato. Não imaginava que na América também havia alguns problemas de Terceiro Mundo, pensei que fosse exclusividade brasileira (he , he ,he). Incrivel essa historias suas, se voce não fala eu não acreditava. Como a Best Buy tem funcionario que não fala inglês ? Ele era ilegal então? Porem , apesar dos pesares, nos States há muito menos problemas que aqui. Estamos aqui no seculo XV ainda, abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cesar
      Ele era Portoriquenho e os portoriquenhos tem direito a trabalhar nos EUA.
      Grande abraço!

      Excluir
  3. Nossa não sabia desses problemas ai que em alguns casos é pior do que vejo aqui no Brasil,eu nunca tive problemas com recebimentos de lojas de eletrodomesticos sempre vem produtos perfeitos o único problema é o prazo de entrega que não tem dia exato geralmente 1 semana.

    ResponderExcluir
  4. Adorei seu texto! Siga sempre sua intuição.😘

    ResponderExcluir
  5. Seria cômico se não fosse trágico. Moro no Brasil e tenho uma casa em Plantation. Sou engenheiro aqui e como bem sei que esse tipo de problema em reformas não conhece fronteiras, acompanhei par e passo tudo e ainda assim muitos problemas aconteceram, talvez menos estressantes que os seus, mas ainda assim tive que me valer várias vezes de minhas habilidades de handyman para resolver.

    ResponderExcluir
  6. è tem problemas que atravessam fronteiras... já estavamos com saudades das suas publicações

    ResponderExcluir
  7. Que bom poder ler mais um texto seu! (mesmo sendo de dificuldades com mão-de-obra rsrsrrs) Continuo a lhe acompanhar e desejo todo o sucesso que seu esforço conseguir lhe proporcionar!

    ResponderExcluir
  8. Nossa não é fácil mesmo, todo trabalho tem seus desafios, um abraço.

    ResponderExcluir
  9. I wonder if part of the problem is that you're in Florida. I'm from the mid-west and I think people here take more pride in their work. When we have people do work in our house, they usually wear little blue booties on their shoes; we don't ask them to do this, they do this on their own. I had a plumber break a light fixture in my house on accident and he had it replaced with the exact model within two hours. I have family that live in Florida (Miami and Orlando) so we visit frequently. People in Florida don't seem as trustworthy as they do in other parts of the US.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já ouvi isso de várias pessoas. No entanto um amigo meu que se mudou para New Jersey teve os mesmos problemas com a m-d-o de entregadores "não americanos"...sei lá. Parece que são maus hábitos que alguns trazem dos seus países de origem

      Excluir
  10. Renato, que post alto astral apesar de ser problemas que tiram a paciencia e o sorriso da nossa cara. A parte do chao de madeira molhado eu qse chorei aqui. kkkkkk ... Acho que obra é problema em qqer lugar do mundo! A gente sofre e depois ri. Sucesso ai e showwww como sempre tudo que voce se propoe a fazer. Abraço, Ju Assreuy

    ResponderExcluir
  11. Desculpa, mas eu morri de rir aqui.Meu Deus uma mistura de programa de reformas com aquele filme do Tom Hanks "Um dia a casa cai", serio ri muito. Só faltou aquelas cenas do tipo Jerry Lewis que vem um cara com escada na mão, derruba todo mundo e ainda quebra a janela. Hahahaha.
    Vendo as tranformações nas fotos é nítido o super talento que vc tem. Já pode sim ter seu próprio programa de Tv "Celebrating Dream Homes with Renato"
    Abraços e posta mais heim.
    Marcos

    ResponderExcluir
  12. Que nervoso ao ler o seu post! Não sei como você consegue resolver esses problemas e ainda ter lucro.

    Essas plantas que você usou na decoração são artificiais?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkk
      Tudo artificial
      Como as casas são de veraneio, ficam fechadas por meses, qualquer planta morreria

      Excluir
  13. Renato, vou te dar uma dica infalível para você tirar manchas de tapetes e estofados de tecidos, use vinagre de alcool. Faça o teste e depois me fale. Te garanto que vais economizar um bom dinheiro. Serve também para limpar restos de rejuntes que fica no piso, etc. Não custa nada você tentar. Você pode usar o vinagre puro mesmo ou misturar com água, meio a meio. Não ficará cheiro algum, inclusive pode ser usado para tirar cheiro de mofo de armarios.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sandra vou tentar claro!!
      Obrigado pela dica

      Excluir
  14. Renato, suas historias são otimas!
    mas vc já tentou reformar alguma coisa no Brasil?! é de chorar! hahaha

    ResponderExcluir
  15. Que saga hein Renato! Mas no final o trabalho é perfeito! Meus parabéns! Principalmente ao jogo de cintura. Cada uma que você passa hein?

    E sério que não trabalha mesmo com os "irmãos a obra" ? rsrs



    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Graças a Deus que não trabalho com eles kkkk
      Abs!

      Excluir
  16. Renato, boa tarde.
    Apesar de todos os problemas relatados, acredito que é um privilegiado por morar aí.Sonho de consumo...kkkk

    Abraço.
    Águas de Santa Bárbara/SP.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado! Nos conhecemos?
      Eu morei em SB
      Abração

      Excluir
  17. Oi Renato, que coisa heim....sou designer de interiores aqui no Brasil e sei o quanto agente fica chateado com essas situações.

    Meu nome é Karol e eu trabalho em uma empresa chamada Santa Luzia Rodapés, você conhece?
    Queria lhe avisar que temos um showroom em Miami, e que serias muito bem vindo para uma visita e conhecer melhor nossos rodapés e revestimentos ecológicos.
    Caso tenha interesse, me avise no email marketing01@industriasantaluzia.com.br que podemos marcar para você pegar algumas amostras e conhecer os produtos.

    Continuarei seguindo suas postagens!! :)
    Abraço!!!


    http://www.santaluziamouldings.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Karol
      Miami é tão longe daqui. Mas quando passar por lá faço uma visita sim
      Obrigado querida!

      Excluir
  18. Ola , Renato! Aguardo sua proxima postagem no blog sobre os USA, merry X-mas!!

    ResponderExcluir
  19. Renato, long time no see! Feliz Ano Novo, muita saude , paz e alegrias em 2018. Volte logo a escrever no blog, não nos deixe órfãos! He he he , boa sorte!

    ResponderExcluir
  20. Renato,tem coisas que só vai escrevendo no blog porque se você só disser, as pessoas não acreditam. Essa coisa dos eletrodomésticos e de móveis é muito verdade. Quando nos mudamos para Jacksonville,a Rooms To Go disse que o delivery era às 11 da manhã. Chegamos no novo apartment complex no tempo, às 10:30am, eles já tinham chegado e ido embora com a nossa cama e os nossos nightstands. Não houve uma ligação para dizer que eles estavam à caminho ou se os móveis poderiam ser entregues mais cedo. Não houve nenhuma ligação um dia antes para fazer uma confirmação. Eles simplesmente vieram de Tampa e foram embora. E foi nesses termos mesmo: ficamos mais de 15 dias dormindo no colchão de ar, no chão, por causa dessa presepada.

    www.vivendolaforanoseua.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Ri não! Fiquei com raiva desses caras. Sou muito calma por fora, mas fiquei com vontade de dar uma voadora nesses sujeitos. Não são profissionais. Já tive cozinha e banheiro reformados na Holanda, já encomendei cortinas em dois lugares diferentes, quintal pavimentados... Tudo na melhor qualidade dentro dos prazos certinhos. Mas a pérgola e o deck de madeira foram um parto (4 carpinteiros diferentes que não tinham uma "clue" do que deveriam fazer... marido teve que ajudar o tempo todo). Holandeses são altamente treinados e especializados para tudo. Mas são muito, muito caros. Você tem muito jogo de cintura e paciência, tem que ser - caso contrário pira e fica tãntãn das ideias, kkkk (Ana Fonseca)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É Ana
      Os americanos também são profissionais (na maioria) e executam um trabalho excelente, mas quando os trabalhadores são imigrantes...
      Já viu

      Excluir
  22. Desculpa, tá? Mas, eu ri muito. Obra é obra em qualquer lugar. Eu e meu marido n podemos ver uma casa mais antiga, que nos coçamos p fazer flip. Demos muita sorte c equipe de brasileiros que trabalha conosco, alguns pequenos escorregões, mas, quem nunca? Parabéns pelo blog, acompanho há uns 3 anos :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha. É assim mesmo!
      Abs e obrigado por ler minhas besteiras

      Excluir

Etiqueta cai bem em qualquer lugar, até na internet. Seja educado ao comentar e perguntar. Olá..., meu nome é..., por favor e obrigado são palavras que ainda estão em uso e mostram cordialidade. Afinal, o blog não é balcão de informações de shopping e embora eu esclareça as dúvidas de todos de bom grado, não ganho nada para isso.
Obrigado por comentar e abração!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...