domingo, 2 de março de 2014

Cartão de Crédito e Credit Score



            Depois de quase cinco anos morando nos EUA, finalmente chegou meu primeiro cartão de crédito. Não pelo fato de eu ser shopaholic, longe de mim. Mas sim pelo fato de eu não precisar usar mais os cartões de crédito do Brasil. Sabe como é, de vez em quando precisa-se de alguma coisa e o dinheiro ainda não chegou. Daí, claro, o bendito cartão de crédito salva a pátria. No entanto, o motivo principal de eu ter que ter um cartão de crédito nos EUA é para construir um Credit Score ou relatório de crédito.

            O leitor não imagina a raiva que eu sinto das instituições financeiras do Brasil e do governo. Qualquer coisa comprada nos cartões de crédito brasileiros aqui, paga-se 6,38% de IOF para o governo brasileiro que, agora recentemente, taxou também o cartão de débito. Se pudesse, taxaria também a compra com dinheiro no exterior, não acha?

            Paga-se 6,5% de imposta na Flórida. Até aí, nada mais justo, pois o imposto é transparente e você sabe o quanto está pagando. Mas daí, paga-se mais 6,38% de imposto no Brasil. E se você atrasar o cartão tem mais 2% de multa e uma porcentagem do valor em juro diário. É uma distribuição do seu dinheiro para várias entidades, que beleza! Mas eu gostaria de mostrar uma diferença que eu notei já faz muito tempo, queria escrever sobre isso mas nunca tive oportunidade.

            Logo quando cheguei, eu ouvi o Robert reclamando do juro do cartão de crédito dele que tinha sido aumentado para 28%. Eu pensei, nossa! Vinte e oito por cento por mês? E ele me respondeu "você ficou louco? Claro que é por ano..." Fiquei pensando nestas palavras. Realmente o juro do cartão de crédito no Brasil é coisa de louco, chega até mesmo a ser IMORAL. Quando eu digo aqui para as pessoas que o juro do meu cartão de crédito no Brasil é de 566,45% ao ano, as pessoas pensam que eu estou brincando, que eu me enganei ou que eu não tenho a mínima ideia do que eu estou falando. Aí eu mostro uma foto que eu tenho da fatura no meu celular para provar que eu não estou louco ou equivocado. E as pessoas fazem uma cara de indignação e perguntam: "E ninguém faz nada? Ninguém reclama? O governo permite isso??" Pois é...

Uma cópia da fatura do meu Credicard Mastercard do Brasil. 566,45% de juro anual. Isso significa que se você dever
1000 reais por um ano sem fazer nenhum pagamento, no final dos 12 meses deverá 5.664,50. Pode?

No caso do meu American Express do Brasil melhora um pouco 233,38% ao ano.
Não consegui, no entanto, uma explicação da diferença entre o juro rotativo de 9,90% e encargos
financiamento por atraso de 15,90%

Meu American Express daqui tem juro 15.99% "ano ano". Veja que também o juro é simples
e não composto. Pode-ser ver isso no exemplo a taxa 15.99% dividida igualmente em 365 dias.
O juro mensal do cartão é 1.33%!!
Veja também no exemplo que se você ficar devendo 2.250,00 por um mês o juro é de 29.57 dólares
Dever 2.250,00 no meu Credicard do Brasil implica em juro de 360,00 reais em 30 dias!!!

Dever 2.250,00 por um ano no Brasil você termina com uma dívida de 14.995,13! Mais um ano e
essa dívida vira 99.935,04
Mais um ano?
666.017,07
Mais um ano?
3.772.653,69
Vira UMA BOLA DE NEVE!!!!!!!!
QUASE 4 MILHÕES se não pagar em somente 4 anos...
O mesmo valor devido nos EUA por 4 anos resulta em 4.072,54 dólares
Chega a ser cômico pra não dizer patético...

Para compras no exterior uma taxa de 2.7% é aplicada e não 6,38% como nos cartões brasileiros

Alguns cartões como este meu da Best Buy mostra quanto tempo levaria
para quitar a dívida pagando somente o mínimo mensal (12 anos) e quanto
levaria se pagasse 59 por mês (3 anos)
Eu comprei um Lap Top ultra moderno e um celular Samsung Galaxy Note 3
A Best Buy faz no cartão em 18 pagamentos sem juros.

Credit Score

            Com a chegada do meu SSN (Social Security Number - CPF americano) começou a ser calculado meu Credit Score. Eu falei sobre o Credit Score neste post. O Credit Score é um relatório de crédito pessoal. Não só relata se você é mau, mas também se é bom pagador. Enquanto no Brasil, temos o SPC e o Serasa para indicar os maus pagadores, não temos um sistema que indica bons pagadores também. Parte-se do princípio de que se você não tem nome sujo então deve ser bom pagador. Mas sabemos que não é bem assim. Aqui nos EUA quem não tem histórico de crédito é considerado tão ou pior do que alguém que tem Credit Score ruim, pois o fulano é uma incognita.

            É preciso então ter cartão ou cartões de crédito, de lojas de departamento, etc. Comprar com eles e fazer os pagamentos direitinho. Assim seu Credit Score vai subindo subindo. Se um dia eu desejar comprar uma casa ou um carro financiado, a primeira coisa que a instituição financeira fará é examinar meu Credit Score. E para Credit Scores menores que 700 dificilmente se consegue um financiamento imobiliário "hoje em dia". De 600 a 700 é possível conseguir um financiamento de automóvel mas, saiba que, quanto menor o Credit Score, maior o riso do empréstimo e consequentemente maior a taxa de juro aplicada na transação. Eu tinha tido uma idéia assim: "Nossa, seria bom a noiva ou o noivo consultar o Credit Score do pretenso cônjuge antes do casamento..." e quase caí de costas quando fiquei sabendo que isso já existe...

            Há um website que fornece o Credit Score de graça (diferente de qualquer outra instituição que cobra pra você olhar). Este site tem o curioso nome de Karma... Eu fiquei tentando imaginar o que o Karma tem a ver com dívidas. Talvez a pessoa se endivide até o pescoço e pensa que está pagando pecados de vidas passadas? Ora, faça me um favor... Para toda ação há uma reação. Comprou, tem que pagar. Comprou mais do que devia, tem que trabalhar mais e distribuir dinheiro de juros para um monte de gente. E olha, o pão comido é o mais difícil de pagar... Como disse uma vez uma amiga minha professora na escola "nossa ansiedade tem o tamanho da nossa ambição..." Pra pensar não acha??

                Mas olha que interessante:

Meu Credit Score atual é 689 considerado "fair", ou seja "razoável".
Começou com 600...  :-/

A nota média para meu crédito é C.
Histórico de pagamento A
Tempo de crédito F (muito novo!)
Número de contas F (poucas!! Tem que ter mais cartões ou financiamentos)
Pedidos de Crédito C (precisa ter menos)
Derogatory Marks A (impressões negativas como falta de pagamento)


Isso é interessante. Eu usei 41% do limite de todos os cartões e a nota para isso é C
De 1 a 20% a nota é A. Não usar nada é nota C!!
Não ter cartão é como usar 100%, ou seja, F

Meu histórico de pagamento é A. Sempre paguei em dia todos eles...

Como só tenho 5 contas (cartões ou financiamentos) minha nota é F.
Isso explica o Robert ter 12 cartões de crédito...

Pedidos de crédito. Não é paradoxo? Se não pedir a nota é A, mas se pedir mais cartões a nota cai.
Mas cai por um mês somente, depois aumenta do outro lado...ou seja, mais contas, aumenta o

Credit Score

Impressões negativas A
Não há histórico de atraso ou protestos no meu crédito

Rá!


Média de Credit Score por estado americano. Quanto mais ao norte melhor o crédito
Isso explica outras coisas que acontecem aqui pelo Sul, mas para bom entendedor
meia palavra basta.
Parabéns para South Dakota 710!
O prêmio estadual do "Calote" vai para..................Texas!!!
Nevada pegou o segundo lugar!!
(Terra de Las Vegas - alguma coincidência?)

           


            

32 comentários:

  1. Olá Renato! tudo bem? Como usou cartões brasileiros nos EUA, você teve algumas rejeições de pagamento, pelo fato do cartão de crédito não ser americano? Dá para pagar a gasolina com o cartão de crédito brasileiro (que pedem o ZIPE)? Eu só consigo pagar com Cartão de Débito americano. Outra curiosidade, os cartões de crédito americanos são isentos de taxas de anuidade e oferecem planos de milhagem ou similar? Obrigado e desculpe o excesso de perguntas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valente
      O único cartão de crédito brasileiro que funciona no posto de gasolina é o American Express porque a central de todos os países é nos EUA então quando você digita o ZIP (CEP) do Brasil ele reconhece. Todos os outros não, mas já ouvi dizer que depende do posto. Para por gasolina com cartão do Brasil que não seja American tem que ir dentro da loja de conveniência.
      Quanto às taxas, tem que pagar sim, mas quanto mais se gasta mais barata fica e sim, oferencem milhagens e presentes.
      Abs

      Excluir
    2. Faz poucos dias que ao comprar no Home Depot uma lavalouça com cartão brasileiro, não aceitaram e aí tive que pagar com americano de débito.

      Excluir
  2. Olá Parabés pela matéria só fico triste como os bancos no Brasil são
    ladrões. o meu pai faleceu tinha um seguro no cartão dele que cobria todas as despesas só pagaram uma parte e colocaram o nome dele no spc da pra acreditar ? BJS adri

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acredito. Sabe o que a seguradora Porto Seguro fez com meu pai? Achou o carro roubado e não falou por uma semana porque eles não iam pagar o carro alegando que meu irmão "contribuiu com o roubo"...

      Excluir
  3. Oi Renato, tudo bem? Tenho acompanhado seu blog e as informações são muito úteis, pois estou em processo de mudança para os EUA. Meu marido recebeu uma proposta de emprego em Orlando e estamos indo atrás de todas as informações possíveis. Vi nesse post que você fala que recebeu seu 1o cartão americano e fiquei curiosa se isso aconteceu após 5 anos morando ai por opção sua ou se demora todo esse tempo para construir o crédito. Desculpa se estou sendo indelicada, mas como vamos com família, a ideia seria chegar ai e já pedir um cartão no banco para não ter que arcar com os impostos brasileiros! Abs e obrigada por compartilhar sua experiência, Luisa

    ResponderExcluir
  4. Oi Luisa
    Eu só recebi o SSN em Setembro do ano passado quando saiu meu OPT pela faculdade. Daí para abrir conta e provar renda para obter um American Express leva algum tempo
    Abs e boa sorte

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A minha filha (que só tem TAX ID) recebeu uma proposta do Banco Regions para obter um Cartão de Crédito mediante uma caução de garantia entre 7 e 21 mil dólares (mínimo/máximo). Ela usaria e pagaria normalmente a fatura do Cartão e construiria o se Score. Após 1 ano, pelo menos, levantaria a caução e renovaria o cartão, agora baseado no Score (que construiu), sem grandes problemas.

      Excluir
    2. O Banco me ofereceu a mesma coisa, mas eu estou indo pelos modos mais normais. Uma vez que você começa a trabalhar e receber salário, vai receber propostas de cartões de crédito, como tenho recebido agora
      abs

      Excluir
  5. Gente, o VISA aceitam em qquer lugar, MasterCard tbem. E sao brasileiros...nao entendi a questao de nao aceitarem qdo comprou no Home Depot ? estranho. Aqui no Canada e nos USA (moro na fronteira)uso meus cartoes brasileiros sem problemas, no credito (facil) e no debito fazendo saques em cash. Tenho cartoes daqui e qdo vc tem um, todos te oferecem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As vezes acontece de recusar. Mas não é porque é brasileiro. Já tive meus americanos recusados também.
      Agora você usa seus cartões brasileiros Visa e Master no posto de gasolina? Funcionam?
      Obg

      Excluir
    2. Os cartões brasileiros são aceitos normalmente, o problema é que morando nos EUA é melhor ter uma cartão americano para não ter que pagar a taxa cobrada sobre operações no exterior!

      Excluir
    3. Nao uso em posto de gasolina. Quase sempre uso o debito ou mastercard daqui, simplesmente pque os brasileiros tem ship e senhas, numeros e letras, As maquinas daqui nao leem.,entao uso para saques e compras em credito. Alias, tem q ativar a uso do exterior. Repito, nao entendi nao aceitarem no home depot. Eu compro em todas as lojas e as maquinas leem que eh cartao internacional e as atendentes pergubtam se sao frances..."sim, minha filha sao da Franca brasileira", haha

      Excluir
  6. Renato, uma dúvida. Qual é a bandeira de cartão de crédito mais aceita nos EUA: Visa ou Marter? e contando também que seja de um banco brasileiro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acredito que a bandeira mais aceita no mundo é a Visa

      Excluir
  7. Olá Renato, sou daquelas pessoas que abomina toda e qualquer forma de crédito, já me enrolei o suficiente com dívidas e agora compro absolutamente tudo a vista, mas vejo que aí nos EUA ter cartões de crédito é praticamente obrigatório pra construir um credit score decente, pelo menos se houver algum problema e vc for "obrigado" a financiar algo terá condições de faze-lo. Aqui a coisa é frouxa, se amanhã eu precisar financiar um carro basta levar minha CNH e um comprovante de residência, por isso não há essa preocupação de construir e manter um histórico legal.

    Parabéns pelo seu caminho, é muito bom saber que há lugares onde quando se esforça em fazer a coisa correta, vc é recompensado.

    Grande abraço,

    Daniel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Daniel
      O problema não está no crédito e sim em você. Eu também me enrolei demais com crédito no Brasil a ponto de ter todo meu salário comprometido por um ano e meio só pagando sem comprar absolutamente nada. Depois de alguns anos de terapia, eu "SAREI" hehehe
      Hoje tenho mais de 50 mil reais em crédito e atualmente menos de 400 em compras
      Abração!

      Excluir
  8. moro nos eua e receBi um cartao do Bank of america com limite de $1000 e eu só estava com 4 meses de conta...assim que pedi o cartão ele foi aprovado só me pediram o numero da minha conta e o endereço.

    agradeço
    justin maccoy

    ResponderExcluir
  9. Renato, estarei indo para Orlando este ano de novo. Ano passado utilizei o TravelMoney do banco do brasil, por varios beneficios, quanto maior o era o valor depositado no cartão, era menor o valor de compra do dollar, alem de não cobrarem taxas para compras. Hoje fiquei sabendo que não vale mais a pena, pois a taxa de cada compra desse cartão está igual a dos cartões de credito. Estarei indo para compras em Orlando em agosto e gostaria de saber qual seria a melhor soluções, cartão, dinheiro? em relação ao custo/beneficio.

    ResponderExcluir
  10. Caro Renato, uma boa tarde pra você (hora do Brasil). Realmente o Brasil é uma indecência, também nesse ponto do crédito, já que pagamos juros para a banca oficial que sequer um agiota teria coragem de cobrar. Mais de 560% de juro ao ano é de um mal caratismo sem tamanho mas é coisa que no Brasil tornou-se normal, assim como a corrupção, o crime, os homicídios em massa, etc, etc, etc. O Brasil é o país do anormal que se tornou normal. Creio que isso aqui jamais dará certo. Abraço e felicidades.

    Marcello

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você falou e disse. Um mau caratismo sem pudor! Triste nao??
      Abraço

      Excluir
  11. Oi Renato tudo bem? Me diz uma coisa meu caro, ter uma conta em um banco americano e cartão de crédito desse mesmo banco é suficiente para construir um histórico de crédito ou eu teria que ter por exemplo o TAX ID ou Social Security ou ambos, além da conta e do cartão de crédito?
    Obrigado por responder.
    Jarbas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jarbas
      "Dizem" por aí que um tax ID gera histórico de crédito.
      Pra ter histórico precisa do SSN. Sem ele ninguém nem mesmo te dá cartão de crédito
      abs

      Excluir
    2. Renato, a razão da minha pergunta sobre o TAX ID gerar histórico de crédito é baseada neste vídeo: http://youtu.be/MZs3N5aEvyM é de um brasileiro que mora na Florida, em Destin, e aos 3 min e 38 seg ele diz que o TAX ID serve dentre outras coisas para criar histórico de crédito. Bem, assim sendo você corrobora ou não com essa informação?
      Brigadão mais uma vez.

      Jarbas.

      Excluir
    3. Jarbas
      Quem pode te responder com certeza é um contador, mas o que todo mundo diz aqui é isso. O Tax ID é na verdade uma empresa em nome de pessoa física. A empresa vai ter histórico de crédito e vai poder comprar parcelado.
      Abs

      Excluir
    4. Valeu meu caro.

      Excluir
  12. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  13. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  14. Só uma coisa, no Brasil também existe o "Credit Score", ele só não é aberto como nos EUA. Você não ter o "nome sujo", não significa que você seja um bom pagador. As instituições daqui (serasa, etc.) mantém uma pontuação de todos que possuem CPF e vendem essas informações.

    ResponderExcluir
  15. oi Renato,
    sou um comerciante aqui no Brasil.
    Gostaria de saber quanto é que as operadoras de cartão de credito e debito cobram de taxas. ok muito obrigado.
    pois pago 2,3% de debito e 3,9% credito.

    ResponderExcluir
  16. Oi Renato... tudo bem por aí? Ótimo post, obrigada por partilhar! Te pergunto para ter um cartão de crédito americano é necessário SSN ou não?

    ResponderExcluir
  17. Estou olhando o blog e já digo que é um conteúdo de qualidade.
    Parabéns.
    eu acabei de chegar na Virginia e quero prosperar aqui juntamente com minha noiva.

    ResponderExcluir

Etiqueta cai bem em qualquer lugar, até na internet. Seja educado ao comentar e perguntar. Olá..., meu nome é..., por favor e obrigado são palavras que ainda estão em uso e mostram cordialidade. Afinal, o blog não é balcão de informações de shopping e embora eu esclareça as dúvidas de todos de bom grado, não ganho nada para isso.
Obrigado por comentar e abração!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...